Fatima Bernardes Victor Pollak

Fátima Bernardes dá a melhor resposta a críticas por “excesso de ausências” no “Encontro”, e reage aos boatos de insatisfação da Globo com The Voice: “Muito injusto”

A apresentadora ainda listou quais foram os motivos da decisão de deixar o programa, após 10 anos no ar

A pouco mais de um mês, Fátima Bernardes se despedirá das manhãs da TV Globo, após 10 anos do “Encontro”. Neste domingo (22), em entrevista ao jornal Extra, a apresentadora falou sobre os motivos dessa decisão e lamentou as críticas por parte do público referente às suas férias, folgas e licenças. A jornalista ainda desmentiu boatos a respeito do “The Voice Brasil”.

Nos últimos tempos, a apresentadora foi alvo de uma série de questionamentos por parte do público quanto às suas ausências no comando do “Encontro”. Muitos até fizeram piada sobre quantos dias a estrela não estava à frente de seu programa. Um perfil no Twitter chegou a ser criado apenas para monitorar a frequência da jornalista. Questionada sobre o assunto, Fátima desabafou. “Gente, isso é muito injusto! Quando você passa por uma cirurgia de câncer e consegue voltar ao trabalho em um mês, ninguém diz que você retornou mais rápido do que qualquer pessoa. Depois, eu faço uma cirurgia no ombro que me deixa com uma tipoia no braço, afastada por seis semanas. Voltei a trabalhar sem conseguir botar a mão na cabeça. Isso ninguém vê”, afirmou.

Continua depois da Publicidade

Fátima ressaltou que suas licenças médicas não eram períodos de descanso, e que a emissora entendia isso muito bem. “Sinto muito, mas a Globo nunca considerou afastamento por doença como férias. Eu dormia recostada num triângulo, com um braço afastado do corpo. Isso são férias? Não! Então, quando estou curada, é lógico que vou tirar as minhas férias. A primeira coisa que ouvi dos meus chefes foi: ‘Você tem que ficar boa, esqueça o restante'”, declarou.

Fatima Bernardes Joao Cotta
Fátima Bernardes lamentou os questionamentos sobre suas ausências no “Encontro” devido a licenças, folgas e férias. (Foto: Globo/João Cotta)

A apresentadora até brincou que recebe tantas cobranças, que é quase como se fosse uma funcionária pública. “Nunca entendi essa cobrança das pessoas, como se eu fosse servidora pública. Eu sou funcionária de uma empresa particular que reconhece o meu trabalho e a minha necessidade de repouso também. Às vezes, falam porque gostam de mim e não querem me ver fora do programa. Eu entendo, mas preciso de descanso, de recuperação, pra voltar melhor”, observou.

Continua depois da Publicidade

A jornalista ainda lembrou que seu trabalho vai muito além das horas em que está no ar na TV. “Quando estava no ‘Jornal Nacional’, eu não trabalhava em nenhum feriadão, e ninguém nunca falou nada. No ‘Encontro’, tem dias em que gravo à tarde e ninguém vê. Fiz várias aulas fora do horário de trabalho para quadros do programa… Eu sei o quanto eu dedico da minha vida para o trabalho. Se eu vou entrevistar uma escritora, leio o livro dela antes. Se o ator com quem vou falar está lançando um filme, eu assisto antes”, deixou claro.

Boatos sobre piloto do “The Voice”

Recentemente, surgiram na web alguns boatos de que Fátima já teria gravado um piloto do “The Voice Brasil” e que o resultado teria desagradado a chefia da TV Globo. Mas, segundo a apresentadora, nada disso procede. “Nada, menina! Disseram que eu gravei, né? Eu ainda nem falei com o Boninho! Não sei nem quais são os técnicos da próxima temporada, não sei absolutamente nada do ‘Voice’. Estou muito focada nesse último mês do ‘Encontro’. A abertura do programa do dia 24 de junho [de 10 anos do ‘Encontro’] vai ser linda! Não posso adiantar, é segredo, mas vai ser diferente”, comentou.

Fatima Bernardes Joao Miguel Junior
Fátima Bernardes negou que já teria gravado um piloto do “The Voice Brasil”. (Foto: Globo/João Miguel Junior)

Fátima ainda contou como veio a proposta para comandar o “The Voice Brasil”. “Foi apresentada essa sugestão a mim. Eu não desejei o ‘The Voice’. Eu só queria uma nova transição para o entretenimento. Quando veio a ideia do ‘The Voice’, eu achei muito bacana, porque sempre briguei muito para que o meu programa tivesse música diariamente. […] Além disso, agora eu vou experimentar fazer um programa com formato pronto, porque o ‘Encontro’ foi criado por mim com um monte de gente junto. Não tenho nem ideia de como vai ser. Ainda desconheço o cronograma: quando grava, quantos dias são de audições às cegas… Não sei nada ainda, nem quero. Como a minha primeira temporada é só em outubro, é melhor eu ficar completamente focada agora no que a gente quer celebrar nesses 10 anos do ‘Encontro'”, explicou.

Continua depois da Publicidade

Motivos para saída do “Encontro”

Como fica marcado nas palavras de Fátima, é nítido seu enorme carinho por seu programa. Ela negou que esteja saindo insatisfeita, e enumerou os motivos que a levaram a deixar o “Encontro”. “A minha vida toda foi de trabalho diário, completei 35 anos de TV Globo em fevereiro. Em 2020, com a pandemia, eu comecei a pensar em mudança para ter um pouco mais de flexibilidade. O ‘Encontro’ só ficou fora do ar durante um mês. Eu tenho uma casa numa região de praia, mas não dava pra eu fazer home office, como muita gente fez”, iniciou.

Fatima
Fátima Bernardes mencionou como a rotina diária do “Encontro” pesou para sua saída. (Foto: Reprodução/TV Globo)

O câncer de endométrio, descoberto em dezembro de 2020 e curado alguns meses depois, também a fez enxergar as coisas de outra perspectiva. “O fato de ter tido câncer me fez ver que a gente tem que dar uma virada na vida. Uma outra coisa foi o meu filho [Vinícius] ter ido estudar fora. Ele está na França há quase dois anos e eu só consegui ir uma vez vê-lo. Agora, Laura [outra filha] também está querendo ir estudar fora. Meu namorado [Túlio Gadelha, deputado federal] mora em outras duas cidades [Recife e Brasília]. Percebi que eu preciso ter uma lista mais equilibrada do que eu devo e do que eu quero fazer”, esclareceu ela.

Continua depois da Publicidade

Fátima ainda citou a rotina de correria por conta do programa diário. “Qualquer viagem que eu faça tem que ser no meio da tarde de sexta-feira, após o programa ao vivo, e eu tenho que estar de volta no domingo, já preparando o de segunda-feira. Eu não sei chegar de surpresa no trabalho, preciso participar de todo o processo. Então, a minha vida tem muito pouco tempo livre“, pontuou.

“Todos os dias, depois do programa, temos uma reunião que começa entre 13h30 e 14h. Depois, sempre tenho um compromisso. Agora, por exemplo, tenho feito fisioterapia quatro vezes por semana. Quando dá 18h, eu já ligo no jornal da GloboNews para saber o que está acontecendo, olho os relatórios sobre as pessoas que vão estar no programa no dia seguinte, os temas que preciso estudar, assisto ao ‘Jornal Nacional’, emendo em ‘Pantanal’, porque a gente está falando sobre a novela. Não passa um domingo em que eu me desligue totalmente, preciso saber sobre a rodada do futebol, o que está sendo mostrado no “Fantástico”… São muitas responsabilidades. E o público espera de mim que, caso aconteça alguma coisa de manhã, em termos de notícia, eu entre no ar com algo esclarecedor”, acrescentou.

Patricia Poeta e Fátima Bernardes se encontrarão no palco do “Encontro” pela primeira vez na “passagem de bastão”. (Foto: Reprodução/Globo)

Agora, prestes a encerrar sua trajetória no “Encontro”, Fátima revela que fará uma “passagem de bastão” para Patricia Poeta e Manoel Soares. “Com Manoel, eu já estive no palco do programa, seja ele sendo convidado para falar sobre algum tema ou como parceiro. Mas acho que com Patricia, acho que nunca. Porque ela sempre vinha para me substituir. Então, vai ser a primeira vez que nós duas vamos estar juntas no mesmo ‘Encontro’. Vai ser ótimo, uma transição bem tranquila, bem suave. Eu acho muito bacana o programa ter construído uma história forte a ponto de ele já fazer parte do dia a dia das pessoas e permanecer no ar”, disse ela.