642c8fe0 B11e 11ec Bbdf 82b3b7ce1166

Anitta finalmente lança aguardado álbum internacional, “Versions of Me”, com feats especiais, ritmos diversos e muita música boa; vem escutar!

O álbum, que antes tinha o nome de “Girl From Rio”, foi disponibilizado nas plataformas digitais às vésperas do show da carioca no Coachella

ATENÇÃO! Isso não é um treinamento, nosso momento finalmente chegou: o novo álbum de Anitta está entre nós! “Versions Of Me” foi lançado em todas as plataformas digitais nesta terça-feira (12), e como o próprio nome já adianta, apresenta a carioca em diferentes ritmos musicais e uma identidade artística cada vez mais madura. O disco sucede o hinário “Kisses”, de 2019, e confirma a estratégia da estrela em consolidar sua carreira profissiona no mundo todo.

O álbum, que anteriormente foi anunciado com o nome de “Girl From Rio”, era aguardado desde o final de 2020, mas sofreu diversos adiamentos. Em entrevista ao Extra TV, Anitta comentou sobre os atrasos: “O que eu tenho a dizer é que… Está demorando um pouco mais porque eu estou muito preocupada em lançar o melhor [álbum] possível. Às vezes eu acho que estou pronta, mas aí algo melhor aparece pra mim e eu fico tipo, ‘Espere! Vamos esperar um pouco!’”.

No final do mês passado, a artista enfim anunciou o novo nome e a capa do trabalho, que dividiu opiniões na internet e acabou virando meme. Anitta, porém, explicou o conceito por trás da arte — com diferentes bustos que representam as mudanças estéticas que sofreu ao longo da carreira.

“Nos outros países não é assim, as pessoas não são abertas quanto às plásticas dessa forma, não são abertas quanto aos próprios defeitos, quanto a rir de si mesmos. É muito raro, é um ou outro que tem essa coragem. A estratégia por trás do álbum é ter o que falar nas entrevistas, é conseguir ter um assunto sobre o álbum que mantenha o lado que é o engraçado, a polêmica, o que viralize, que renda entrevistas de todos os tipos e passe mensagem pras pessoas de não se levar tão a sério, rir de si mesmo. Não tem problema não gostar do que você era no passado. São várias mensagens que ele traz”, explicou numa live em seu perfil no OnlyFans.

Continua depois da Publicidade

Bom, uma interpretação possível também é a respeito da própria trajetória musical que Anitta fez ao longo da carreira, e que se traduz nas tracks lançadas. A cantora não deixa de lado suas raízes no funk carioca, e inclui o pop, o reggaeton, o R&B, e até um pouco de rock — estilo musical que fez parte de sua vida desde a adolescência.

A cantora recrutou ainda um grande time de diferentes artistas para os feats com Cardi B, Saweetie, Khalid, Ty Dolla $ign, Afro B, Myke Towers e Chencho. Isso sem falar na aguardada faixa “Que Rabão”, uma das músicas deixadas por Mr. Catra (1968 – 2018) e que acabou nas mãos da poderosa. Os vocais do funkeiro estão presentes na gravação, assim como os do rapper YG e o brasileiro Kevin O Chris. O produtor Papatinho também assina o resultado final da collab, que terá todos seus lucros entregues para a família de Catra.

Continua depois da Publicidade

O lançamento de “Versions Of Me” coroa um dos pontos mais altos da carreira de Anitta. Na sexta-feira, 15 de abril, a cantora estreará no palco do Coachella, um dos festivais mais famosos do mundo. Além disso, o hit “Envolver” a colocou no radar dos principais charts, tendo alcançado o primeiro lugar no Top Global do Spotify, e o Global 200 da Billboard. A faixa ainda aparece na lista Hot 100, a mais disputada por todos os artistas.