Após polêmica de Silvio Santos com crianças, Pedro Cardoso detona apresentador: “Nunca gostei dele”

O “Concurso de Miss Infantil”, exibido no “Programa Silvio Santos” no dia 22 de setembro, foi a gota d’água para Pedro Cardoso mostrar todo seu descontentamento com o dono do SBT e sua emissora. Em um longo post no Instagram, o ator deixou claro todas as críticas que acumulou ao longo dos anos.

“Faz tempo que venho querendo falar sobre Silvio, que de santo não tem nada”, introduziu ele, fazendo um trocadilho com o sobrenome do apresentador. “Pudores de respeito para com a democracia me dificultavam, no entanto. Mas diante do concurso de beleza de crianças desfilando de maiô para serem julgadas por sua aparência, meus pudores deram lugar a revolta”, explicou Cardoso sobre o que o levou a fazer o desabafo.

“Nunca gostei de Silvio. Acho o trabalho dele de péssima qualidade. Acho o programa dele chatíssimo. Acho que Silvio fez dinheiro vendendo ilusão para pobres brasileiros. Acho Silvio um irresponsável social. Estive na TV dele para dar entrevista sobre o meu trabalho e nunca gostei de ir lá!”, acrescentou Pedro sobre a vez em que participou do “Programa da Maisa” na emissora.

Ele seguiu falando que o apresentador incentiva e é “garoto-propaganda” do “projeto fascista brasileiro”. “Acho que Silvio presta um desserviço ao Brasil com sua televisão medíocre e seu comportamento libidinoso e mal educado. Dane-se o meu pudor. Não me acho mais obrigado a garantir a democracia para quem se dedica a destruí-la”, afirmou.

“Silvio presta um desserviço ao Brasil com sua televisão medíocre e seu comportamento libidinoso e mal educado”, comentou Pedro. (Foto: Reprodução/SBT)

O antigo astro de “A Grande Família”, então, explicou que sua crítica não era apenas dirigida a Silvio Santos e o SBT. “São inúmeras as concessões públicas de rádio e TV usadas para minar as bases intelectuais da nossa democracia. O compromisso para com a democracia nos exige tomarmos nítida posição contra quem a quer destruir”, incentivou, acrescentando que se referia às “redes Globo, Band” e mais.

Exatamente pela especificidade, o ator disse saber que os caminhos de fechariam para ele na carreira. “Mas de que me valem caminhos abertos que conduzem ao lugar sombrio da ignorância?! Nada”, resumiu. “Desfile de beleza infantil – doença norte-americana que Silvio e seus iguais tanto admiram – é uma afronta insuportável a dignidade da pessoa. São mesmo falsos os moralistas pseudo religiosos hoje no poder. O silêncio deles os revela!”.

Por fim, Pedro deixou uma sugestão para que em um futuro governo as concessões de sinal de rádio e TV sejam revistas “não à luz da politica partidária; mas da seriedade, da honestidade e do compromisso para com a democracia e o estado laico por parte de quem as pretende explorar”. Confira seu desabafo na íntegra:

View this post on Instagram

Faz tempo que venho querendo falar sobre Silvio, que de santo não tem nada. Pudores de respeito para com a democracia me dificultavam, no entanto. Mas diante do concurso de beleza de crianças desfilando de maiô para serem julgadas por sua aparência, meus pudores deram lugar a revolta. Nunca gostei de Silvio. Acho o trabalho dele de péssima qualidade. Acho o programa dele chatíssimo. Acho que Silvio fez dinheiro vendendo ilusão para pobres brasileiros. Acho Silvio um irresponsável social. Estive na tv dele para dar entrevista sobre o meu trabalho e nunca gostei de ir lá! Silvio participa de longa data do projeto fascista brasileiro. Agora é garoto propaganda declarado dele! Acho que Silvio presta um desserviço ao Brasil com sua televisão mediocre e seu comportamento libidinoso e mal educado. Dane-se o meu pudor. Não me acho mais obrigado a garantir a democracia para quem se dedica a destruí-la. E não é só Silvio e o seu SBT. São inúmeras as concessões públicas de rádio e tv usadas para minar as bases intelectuais da nossa democracia. O compromisso para com a democracia nos exige tomarmos nítida posição contra quem a quer destruir. O poder da comunicação de massa é tamanho que as empress a quem nós cedemos o uso devem estar submetidas ao mais rigoroso compromisso democrático. E nisso incluo todas! Umas mais outras menos, TODAS – redes Globo, TV, Band… todas! – as empresas de comunicação de massa no Brasil ainda devem a nós uma muito mais responsável atuação. Os caminhos se fecharão para mim com o que digo aqui. Mas de que me valem caminhos abertos que conduzem ao lugar sombrio da ignorância?! Nada. Desfile de beleza infantil – doença norteamericana que Silvio e seus iguais tanto admiram – é uma afronta insuportável a dignidade da pessoa. São mesmo falsos os moralistas pseudo religiosos hoje no poder. O silêncio deles os revela! Sugiro que todas as concessões de sinal de rádio e tv sejam revistas em um futuro governo democrático; não a luz da politica partidária; mas da seriedade, da honestidade e do compromisso para com a democracia e o estado laico por parte de quem as pretende explorar. Rádios e tvs, devem ser lugar de seriedade. Viva a TV Cultura.

A post shared by Pedro Cardoso (@pedrocardosoeumesmo) on

O “Concurdo de Miss Infantil” exibido em setembro virou alvo de dois inquéritos. Por avaliar atributos físicos de meninas entre sete e oito anos de idade – o quadro passou a ser investigado pelo Ministério Público do Trabalho e pela Promotoria de Justiça de Osasco.

Silvio Santos causou muita polêmica ao exibir meninas com menos de dez anos usando apenas um maiô e sendo julgadas pela beleza. (Foto: Reprodução/SBT)

Além do quadro em si, o discurso de Silvio Santos no programa também foi alvo de um feedback negativo. “Agora, vocês do auditório, que estão com o aparelhinho, vão ver quem tem as pernas mais bonitas, o colo mais bonito, o rosto mais bonito e o conjunto mais bonito”, disse o apresentador, sobre o julgamento das participantes.

Ao “Notícias da TV”, a Promotoria de Justiça de Osasco informou que a investigação seguirá sob sigilo. No entanto, confirmaram que já solicitaram informações sobre o ocorrido ao canal da família Abravanel. Assim como a promotoria, o Ministério Público do Trabalho de São Paulo também assegurou que estão analisando essa história.

Assista ao quadro completo aqui: