BBB20: Após criticar Gizelly, Felipe Neto recebe resposta afiada de equipe da sister: ‘Qual moral você acha que tem?’

Não é só dentro da casa do “BBB 20” que os ânimos estão à flor da pele… Nesta sexta-feira (10), o youtuber Felipe Neto protagonizou uma pequena ‘torta de climão’ com os administradores das redes sociais da sister Gizelly. Após se posicionar sobre um caso controverso envolvendo Babu Santana, Thelma e a advogada, o carioca recebeu uma resposta inflamada do perfil da capixaba.

Na quinta-feira (9), o intérprete de Tim Maia nos cinemas causou polêmica ao comparar a tonalidade de uma maquiagem com barro. “Não tem como não ficar pensando que aquele negócio marrom é base. Isso é barro, isso é barro!”, falou. “Barro de onde? Não! É base”, explicou Thelminha. Confira a cena:

Continua depois da Publicidade

Felipe Neto se incomodou com a situação e chegou a se posicionar, no entanto, muitos internautas acharam que ele teria sido mais condescendente com o brother do que foi com Gizelly num episódio anterior. “Tem muitas pessoas negras dizendo que o comentário do Babu sobre ‘barro’ não foi nada demais. Tem muitas pessoas negras dizendo que foi errado, sim. Eu sou branco. Eu tô perdido. Só no meu Whats vieram 4 pessoas – 2 me agradecendo por ter criticado e 2 me criticando”, escreveu.

“Com isso em mente, apaguei o tweet. Se há debate entre os próprios negros sobre algo ter sido racista ou não, não é um branco que vai se meter e dizer quem tá certo ou errado. Retiro o que disse sobre o que Babu falou e peço desculpas, pelo menos até entender melhor sobre tudo isso”, ponderou.

Foto: Reprodução/Twitter
Foto: Reprodução/Twitter

Porém, o youtuber se incomodou ao ver acusações de que teria tratado os dois jogadores de forma diferente por conta do gênero de Gizelly. “Tem que ser muito filho da p*ta pra falar que eu critiquei mais ela por ser MULHER… Ao invés do fato dela ser branca, formada em Direito, exercendo a profissão de advogada, ter errado repetidamente e ter feito o comentário do barro em um contexto totalmente diferente”, se defendeu.

Foto: Reprodução/Twitter

Continua depois da Publicidade

Foi aí que os administradores da conta da capixaba decidiram rebater o influenciador de forma direta. “Felipe, acho super válido você querer abordar temas como machismo, racismo e homofobia, mesmo que este não seja seu local de fala. Mas, se você mesmo diz que levou 10 anos para deixar de ser aquele moleque mimado e corrigir seus erros, qual moral você acha que tem para julgar alguém?”, indagaram.

“Não queira ser o paladino da moral e do politicamente correto, este local nunca lhe coube. E digo mais: se o tribunal da internet te julgasse e condenasse na mesma proporção que você julga e condena, hoje em dia você não seria nada. Pense nisso“, alfinetaram.

Foto: Reprodução/Twitter

Continua depois da Publicidade

As tags “Cala Boca Felipe Neto” e “ADM da Gizelly” foram parar entre os assuntos mais comentados da rede social, mas não pareceram surtir muito efeito em Neto. “Fandom da Gizelly p*taço comigo puxando tag para os trending topics. Meus filhos, eu já tive fandom do Justin Bieber, ‘Crepúsculo’ e ’50 Tons de Cinza’ ao mesmo tempo me xingando. Eu tenho eleitores do Biroliro, fãs da familícia e do Olavo de Carvalho. Sejam bem-vindos, hahahahaha”, ironizou, fazendo referência a outros grupos de haters que o atacam.

Foto: Reprodução/Twitter

Relembre o caso

No dia 3 de abril, Gizelly chegou a falar em barro enquanto comentava sobre o produto de beleza usado por Thelma. Ao ver o lençol sujo, a capixaba levantou-se da cama onde estava para olhar mais de perto. “Gente, eu não sei o que a Thelminha passa na cara, é barro?”, questionou. “É a minha base!”, justificou Thelma. “Isso é barro!”, repetiu a advogada. Quando o vídeo veio à tona, internautas apontaram o racismo contido na fala da advogada. Assista ao momento na íntegra:

Continua depois da Publicidade

Felipe Neto, que tem acompanhado o programa diariamente e já manifestou sua torcida por Babu Santana, não gostou do que viu e criticou a participante nas redes sociais ao compartilhar a gravação. “P*ta que pariu. ‘Ai Felipe posta o vídeo completo, ela diz que não é a cor, é a quantidade’. É, porque ‘BARRO’ tem a ver com quantidade, né, ô cambada de filha da p*ta. Tenho mais paciência não. Vai ‘passar pano’ na casa do c*cete. Chamar a base da negra de BARRO é inaceitável!”, publicou.

O influenciador digital ainda criticou os fãs da jogadora que saíram em defesa dela sobre o momento controverso. “Pensa no grau de doença mental que alguém tem que ter pra gostar TANTO, mas TANTO de um PARTICIPANTE DE REALITY, a ponto de ouvir a pessoa chamar a base de uma mulher preta de ‘BARRO’ e ainda assim sair xingando e criticando quem aponta o racismo nisso”, publicou.

Foto: Reprodução/Twitter

Continua depois da Publicidade

Mais tarde, ele tentou amenizar a situação compartilhando um vídeo em que Gizelly fala a respeito de estar reaprendendo o significado de algumas palavras com conotações racistas e que pretende não usá-las mais. “Concordo 100% com esse tweet. Espero de fato que ela aqui fora aprenda e se desculpe. Mas, como isso é um reality onde julgamos erros, vamos acelerar essa vinda dela pra aprender aqui fora o mais rápido possível”, escreveu.