OMG! Penn Badgley revela que estaria disposto a interpretar Dan Humphrey mais uma vez em “Gossip Girl”, mas com várias condições: “Nunca fui o maior fã de Dan”

Nunca feche uma porta para sempre, certo? Em entrevista recente ao ET Online, Penn Badgley deixou claro que voltar a interpretar Dan Humphrey no reboot de “Gossip Girl” não está fora de cogitação. No entanto, não há nada certo… ainda!

“Poderia Dan Humphrey [voltar]…? Eu não… Isso é algo que eu vou botar no topo das minhas considerações, sabe, para pensar”, disse o ator de 33 anos, durante divulgação da segunda temporada de “Você”.

Apesar das notícias de que “Gossip Girl” retornará no serviço de streaming HBO Max com uma nova geração de riquinhos mimados do Upper East Side, Penn revelou que não discutiu a volta de seu antigo personagem com os produtores executivos Josh Schwartz, Stephanie Savage e o showrunner Joshua Safran. “Eu não tive conversas com nenhum dos criadores ainda, mas você sabe…”, começou, sem terminar a linha de raciocínio.

No entanto, quando questionado se estaria disposto a pensar na possibilidade de trazer Dan de volta, o ator foi honesto. “Eu acho que é bastante claro que, tipo, eu nunca fui um defensor de Dan Humphrey. Eu nunca fui necessariamente o melhor amigo ou fã de Dan Humphrey, o que agora eu levo de uma forma que, sabe, eu adoraria contribuir [com o personagem] de uma maneira significativa. E eu acho que [meu retorno] dependeria de um monte de coisas”, explicou.

Foto: Divulgação/CW

“Dependeria de como e por que ele está lá. E eu não sei… tipo, isso é simplesmente… é, eu não sei”, disse, um pouco confuso. Ou seja… não vamos criar expectativas, mas nunca diga nunca, né?

Apesar de Dan Humphrey ser muito marcante na carreira do ator, ele revela que cada vez mais as pessoas o estão abordando na rua por conta de outro personagem, o psicopata Joe Goldberg. “Joe está desafiando o legado de Dan bem rápido, vou dizer isso”, afirmou.

Penn Badgley como o assustador Joe de ‘Você’. (Foto: Divulgação/Netflix)

Em agosto, o criador Josh Schwartz revelou à imprensa que falou com todos os membros do elenco original, como Penn, Blake Lively (Serena van der Woodsen), Leighton Meester (Blair Waldorf), Chace Crawford (Nate Archibald) e Ed Westwick (Chuck Bass) para informá-los do reboot de “Gossip Girl”, e deixar a porta aberta para possíveis participações. “Nós entramos em contato com todos para deixá-los a par do que está acontecendo, e nós amaríamos que eles se envolvessem [na série] caso eles quiserem se envolver”, afirmou. No entanto, Schwartz garantiu que entendia caso a resposta fosse negativa. “Eles interpretaram esses personagens por seis anos, e se eles sentirem que estão bem assim, nós queremos respeitar isso, mas é claro… seria ótimo vê-los de novo”, disse.

De acordo com a sinopse oficial do reboot, a série se passa oito anos após o site original da Gossip Girl acabar, e uma nova geração de estudantes de escolas privadas de Nova York serem introduzidos à vigilância das redes sociais da ex-blogueira (agora digital influencer?). A série irá mostrar como as redes — e o cenário de Nova York — mudou durante este tempo. “Gossip Girl” está prevista para estrear em 2020.