Irina Shayk abre o jogo pela primeira vez sobre separação com Bradley Cooper, sete meses após o término: “Fomos muito sortudos”

Sete meses após seu término com Bradley Cooper, Irina Shayk abriu o jogo sobre o rompimento pela primeira vez. Capa da edição mais recente da Vogue britânica, a modelo expôs todo seu lado sincerão, abordando em entrevista como tem sido a criação da filha deles, Lea de Seine, de apenas dois anos.

“Eu acho que em todos os bons relacionamentos você traz o seu melhor e o seu pior – é apenas a natureza de um ser humano”, opinou. Irina também reforçou que “duas pessoas incríveis não precisam [necessariamente] formar um bom casal”. E ela parece não se arrepender do romance com Cooper: “Acho que nós fomos muito sortudos de experimentar o que vivemos um ao lado do outro”.

View this post on Instagram

Introducing #IrinaShayk as #BritishVogue’s March 2020 cover star. Born in the depths of a Soviet winter, but now living the life of a supermodel, Shayk has a backstory that reads like a fairy tale. In her most revealing interview ever, she opens up to Editor-in-Chief @Edward_Enninful about Hollywood break-ups, single motherhood and why the best is yet to come. Click the link in bio for Edward Enninful’s editor’s letter, and see Shayk captured by #MertAlas and #MarcusPiggott in this season’s most coveted pieces, on newsstands Friday, 31 January. @IrinaShayk wears a @Prada sequined silk-gauze dress and @EmiliaWickstead gloves. Photographed by @MertAlas and @MacPiggott and styled by @Edward_Enninful, with hair by @PaulHanlonHair, make-up by @Lucia_Pieroni, nails by @Chisatochee and set design by @MigsBento.

A post shared by British Vogue (@britishvogue) on

“A vida sem o B é um novo terreno”, adicionou Shayk. Neste novo terreno, ela também precisa lidar com a  complicada co-criação da pequena herdeira. “É difícil encontrar um equilíbrio entre ser uma mãe solteira e ser uma mulher que trabalha e sustenta. Acredite, tem dias em que eu acordo e estou tipo, ‘Meu Deus, eu não sei o que fazer, estou desmoronando'”, ela completou sobre as dificuldades dessa nova fase.

Irina Shayk e Bradley Cooper namoraram por quatro anos, até o término no ano passado. (Foto: Getty)

Bradley e Irina começaram a namorar em 2015 e anunciaram a separação no início de junho de 2019 Entre especulações de desgaste emocional no relacionamento, a People também afirmou que os rumores de um possível affair entre o diretor e Lady Gaga, sua co-estrela em “Nasce Uma Estrela”, “não ajudaram” muito. De acordo com a revista, os meses de divulgação do filme não foram nenhum pouco favoráveis para a relação.

“Os rumores de Bradley e Gaga tendo um affair romântico não ajudaram, especialmente com as viagens constantes dele”, revelou uma fonte à publicação. Tudo isso soma-se ao que já haviam comentado na People, de que ele “estava emocionalmente ausente durante o longo tempo de filmagens”. 

A química de Lady Gaga e Bradley Cooper em “Nasce Uma Estrela” despertou vários rumores sobre um possível romance. (Foto: Kevin Winter/Getty Images)

Na realidade, Bradley e Gaga não estavam envolvidos romanticamente. Fontes próximas ao casal garantiram ao Gossip Cop que eles são apenas grandes amigos. Veículos confiáveis, como a revista People e o site Entertainment Tonight, confirmaram que os protagonistas de “Nasce Uma Estrela” têm uma ligação profunda, mas não são um casal.