Emilia Clarke mudou sua relação com os fãs após pedido de selfie traumático: ‘Eles não querem falar com você’

Emilia Clarke passou praticamente uma década numa das séries de maior audiência da história da TV, o que faz seu rosto, naturalmente, bastante conhecido. Daí que é comum que fãs se aproximem dela para quem sabe tirar uma selfie! A atriz costumava atender esse tipo de pedido até que um episódio mudou totalmente seu jeito de pensar a respeito.

Em conversa recente no podcast ‘Table Manners’, de Jessie Ware, Emilia relembrou do dia em que estava no aeroporto e começou a sofrer um ataque de pânico – ‘causado por uma completa exaustão‘. No momento, a atriz conversava com a mãe pelo celular quando um homem se aproximou dela.  “Eu estava no telefone com minha mãe, dizendo: ‘sinto que não consigo respirar, não sei o que está acontecendo‘”, contou.

Estou chorando muito, e esse cara diz: ‘Posso tirar uma selfie?'” Eu disse: ‘Não consigo respirar, sinto muito‘”, ressaltou. Ficou claro para a intérprete de Daenerys que essa ‘experiência’ era um tanto quanto automática, que os fãs não se conectavam de fato com ela e nem reparavam em seu estado. A partir daí, ela mudou sua opinião sobre tirar selfies com os admiradores, e agora, ao invés da foto, ela oferece um autógrafo.

Emilia decidiu pôr fim às selfies (Foto: Ken Ishii/Getty Images)

Quando você dá o autógrafo, precisa interagir com aquela pessoa… Então, você conversa e tem uma coisa verdadeira de pessoa para pessoa, ao contrário dessa outra coisa que provavelmente não é legal para eles e não é legal para você“, explicou Clarke, traçando uma comparação entre os autógrafos e as selfies.

Eu busquei isso (a fama)… Estou apenas tentando entender como posso fazer isso sem sentir que minha alma está completamente vazia, porque, na verdade, eles não querem falar com você“, concluiu ela. Ouça o episódio na íntegra do podcast, clicando aqui.