Reconciliação familiar? Brad Pitt não vai à premiação e site revela causa nobre para ausência: “Largou tudo para trás”

Reconciliação? No último domingo (04), Brad Pitt foi premiado como “Melhor Ator Coadjuvante” no “BAFTA 2020”, por seu papel em “Era Uma Vez… Em Hollywood”. Contudo, quem recebeu a estatueta foi sua colega, Margot Robbie, citando “obrigações familiares” como o motivo pelo qual o astro não esteve em Londres. Segundo o site Hollywood Life, a real razão foi um reencontro do ator com seu filho, Maddox.

“Maddox deu ao Brad a chance de conversar e ele largou tudo pra trás”, contou uma fonte ao The Sun. De última hora, o galã teria cancelado seu voo, visto que seu filho, fruto da relação com Angelina Jolie, queria se encontrar e falar com ele. Em 2016, o relacionamento dos dois teria ido por água abaixo após acusações de que o astro teria sido “fisicamente abusivo” com Maddox, durante uma viagem em seu jato particular – de acordo com diversas fontes, este seria o estopim do divórcio de “Brangelina”.

Brad Pitt, Maddox ao centro, e outros dois filhos do astro em 2014, antes da suposta briga na família. (Foto: Getty)

Apesar de o FBI ter investigado e inocentado o pai por qualquer má conduta, a relação dele com o filho ainda não estava boa, de acordo com a HL. Então, essa reaproximação incentivada pelo jovem foi uma oportunidade única. “Ser pai é uma das coisas mais importantes na vida de Brad, e ele faria de tudo para reparar o relacionamento deles”, contou um informante à revista.

Angelina, por sua vez, não quer interferir nas decisões do filho. “Ela respeita que eles tenham seu próprio relacionamento e está ficando de fora desse assunto”, revelou um insider sobre a estrela. Ela, que é mãe de seis filhos com Brad, apenas dará todo apoio a Maddox: “A coisa mais importante para Angelina é que seu filho saiba que ela sempre estará ali para ele e que o apoiará”.

Maddox parece ser muito mais próximo da mãe, Angelina Jolie, desde o desentendimento com Brad Pitt. (Foto: Getty)

Justificada a ausência na premiação. Mas será que pai e filho farão as pazes? Ficamos na torcida!