Natal separado e poucas palavras: Revista People expõe desgaste na relação de Príncipe Harry e Meghan com a realeza: “Não se falam”; saiba detalhes

As coisas andam bastante tensas entre a família real britânica. De acordo com a revista People, o emocionante testemunho de príncipe Harry e Meghan Markle para o documentário “Harry & Meghan: An African Journey”, filmado durante a estada deles na África, incentivou os rumores sobre uma possível tensão entre os membros da monarquia. Inclusive, quando Harry admitiu que ele e príncipe William “estavam trilhando caminhos diferentes no momento”, ficou claro para o público que os irmãos e suas respectivas esposas não eram tão unidos quanto todos desejavam.

Fontes próximas aos duques de Sussex afirmam que o casal está se sentindo isolado do resto da família. O jornalista Tom Bradby, que os entrevistou na ocasião, chegou a descrevê-los como “magoados e vulneráveis”.

Após as revelações do casal no documentário, que mostrou as dificuldades de Meghan em ser uma mãe sob os holofotes e Harry admitindo seu desespero em proteger a família das críticas dos tabloides, uma fonte diz que “olhos foram abertos” a respeito do estresse emocional do casal. No entanto, a relação entre os duques e o resto da família real não se tornou mais próxima como resultado.

Príncipe William, Príncipe Harry, Meghan Markle e Kate Middleton (Foto: Paul Grover- WPA Pool/Getty Images)

“Não houve este giro de 180 graus”, disse um informante à People. “Nada mudou. Eles não se falam, ninguém checa [como o outro está], ninguém se manda mensagem”, acrescentou. No especial para a TV, Meghan também revelou que não eram muitas as pessoas que perguntavam se ela estava bem.

Pequenas tensões entre os irmãos também contribuíram para os sentimentos de isolamento de Harry, segundo pessoas próximas. Para Meghan, que está criando seu filho em um novo país, longe de seu lar em Los Angeles, a distância em relação à sua família e à família do marido é uma tensão constante.

Outro detalhe destacado pela matéria, é que o pronunciamento de Harry sobre os ataques que Meghan vem recebido da imprensa britânica não teve nenhum apoio público de membros antigos da família real. “É uma família estranha e não uma que apoiou uns aos outros muito bem”, disse o escritor sobre a realeza, Penny Junor. “Eles não se elogiam e nunca ligam uns para os outros apenas para dizer: ‘Este foi um ótimo discurso'”, afirmou.

Muitas fontes revelaram à publicação que a tensão entre os irmãos se aprofundou quando Harry disse para a família pela primeira vez que ele queria se casar com Meghan, menos de um ano após conhecê-la. Informantes afirmam que William — que namorou Kate por oito anos antes de se casar — avisou Harry que as coisas estavam indo rápido demais, deixando o irmão irritado e magoado.

Príncipe Harry e Meghan Markle em viagem à África (Foto: Getty)

Outra fonte enfatizou que qualquer mudança na relação dos irmãos é resultado do novo capítulo na vida deles. “Quando um de seus irmãos se casa, sempre há um período de reajuste. As pessoas têm novas prioridades e focos diferentes”, observou.

No entanto, conforme o feriado de Natal se aproxima, Harry e Meghan estão fazendo uma rara pausa de seis semanas para recuperar as energias em meio ao estresse familiar. Eles também decidiram pular as comemorações com a família real neste ano, para passar as festas de final de ano como uma nova família, ao lado da mãe de Meghan, Doria Ragland.

Kate Middleton, Príncipe William, Meghan Markle e Príncipe Harry (Fotos: Getty)

“Apenas em um nível humano, se você tira todo o resto da equação, eu não acho que eles estão em uma ótima forma para lidar com qualquer coisa agora”, disse um amigo. E adicionou: “Todo mundo espera que eles vão retornar desta pausa mais fortes do que nunca, e talvez com um tempinho fora dos holofotes, eles podem decidir qual é o caminho que seguirão”.