Coronavírus: Em coma induzido, âncora do rodízio do Jornal Nacional apresenta melhora; saiba os detalhes

O jornalista Marcelo Magno, um dos âncoras do rodízio de fins de semana do Jornal Nacional, da TV Globo, apresentou melhora em seu estado de saúde. Como contamos anteriormente, o profissional testou positivo para o novo coronavírus (SARS-Cov-2). Marcelo está internado em um hospital particular de Teresina, Piauí.

De acordo com uma atualização feita pelo próprio Jornal Nacional, o boletim médico de Magno divulgado nesta sexta (20) foi promissor. Os exames mostraram uma melhora, e a medicação que mantém o jornalista de 37 anos em coma induzido foi reduzida. A expectativa é que, na próxima segunda-feira, ele não precise mais do respirador artificial.

“Todos nós do Jornal Nacional e da Globo esperamos que o Marcelo Magno e os demais colegas se recuperem o mais rapidamente possível”, disse Renata Vasconcellos, durante o noticiário.

William Bonner explicou como Magno pode ter contraído a doença. “Ele apresentou o JN no dia 7 de março, no revezamento de colegas de todo o Brasil. Para isso, o Magno chegou ao Rio na quinta-feira, dia 5. Estava bem de saúde. No domingo, dia 8, ele partiu do Rio para Teresina, e passou nove horas no aeroporto de Congonhas, em São Paulo, para um voo de conexão. A suspeita, é que tenha sido infectado nesse período”, revelou. E acrescentou: “Ele começou a apresentar sintomas de gripe depois de dois dias, terça-feira, já trabalhando em Teresina. Ele procurou o hospital, mas médicos que o examinaram descartaram qualquer infecção, e Magno voltou para casa. Na madrugada do domingo, dia 15, ele teve febre, voltou para o hospital e foi internado”. 

O âncora foi internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) na quarta (18), após ter seu quadro agravado por conta do cansaço e da dificuldade para respirar. Segundo os médicos responsáveis, o tratamento surtiria efeito mais rapidamente com o jornalista entubado. Na quinta-feira (19), o resultado positivo do teste de Covid-19 saiu. O estado de saúde de Magno era considerado grave, mas estável.

Em ascensão na Globo, Marcelo apresentou o JN pela última vez no dia 7 deste mês (Foto: Divulgação / TV Globo)

Marcelo Magno é um dos quatro pacientes com coronavírus — confirmados — no Piauí. Ao todo, no estado, são 101 casos sob suspeita para a Covid-19, de acordo com novo boletim divulgado na tarde de sexta-feira pela Secretaria de Estado da Saúde.

Em tempo, o governo do Piauí decretou estado de calamidade e ordenou o fechamento de estabelecimentos, como shoppings, bares, restaurantes, cinemas, clubes, academias, casas de espetáculo, clínicas de estética e de saúde bucal/odontológica, públicas e privadas, exceto aquelas relacionadas aos atendimentos de urgência e emergência. Eventos esportivos também estão suspensos no estado.