Fiuk (7)

Fiuk causa climão em entrevista com Tatá Werneck e dispara: “Você falou que ia ser engraçado”; assista

Eita! Em agosto deste ano, boatos já adiantavam que havia rolado um climão entre Fiuk e Tatá Werneck, quando o ex-BBB gravou uma participação no “Lady Night”, programa da comediante. Nesta quinta-feira (2), o episódio em questão foi ao ar no Multishow, aparentemente com muitos cortes, e está dando o que falar nas redes sociais.

No total, a participação do cantor foi resumida a pouco mais de 14 minutos, enquanto Thiaguinho, o segundo convidado do dia, ocupou os outros 35 minutos. Trechos da entrevista começaram a circular na internet e, neles, é possível ver que tanto Fiuk quanto a humorista estavam desconcertados.

A Juliette te deu mole no começo, mas você falou: ‘Não, aqui você não se cria’. Se arrependeu?“, questionou Tatá. “Não, tanto que depois a gente se deu super bem. É que no começo eu estava com uma mania de perseguição bizarra, não foi só com ela, foi com todo mundo. Eu tinha dificuldade em acreditar nas pessoas, tinha mania de perseguição“, respondeu ele, visivelmente incomodado.

Continua depois da Publicidade

Pesou o clima, hein? Do nada“, brincou a humorista, que levou uma invertida do músico. “Você falou que ia ser engraçado, que você não ia me zoar“, reclamou Fiuk. Werneck até tentou contornar a situação, mas lançou outra pergunta que também não agradou o filho de Fábio Jr. “Eu sei que você está namorando agora, não está?“, disparou ela.

Eu tenho uma dificuldade, eu sei que sou público, sei que a minha vida é pública desde que eu nasci, mas eu tenho dificuldade, tipo, soltei um pum: ‘Ah, soltei um pum ontem“, pontuou o ex-BBB. “Mas eu não perguntei de pum, perguntei de namoro“, rebateu ela. “Pô, Tatá!“, reclamou ele. “Fiuk, qual o problema? Você é um homem. Desculpa, mas hétero. Pô, tá namorando…“, insistiu a apresentadora. Assista:

Continua depois da Publicidade

Nesse momento, é perceptível que houve um corte, e os dois mudaram de assunto. O resto da entrevista correu normalmente, porém, como dito anteriormente, durou menos do que o padrão de outros convidados. Nas redes sociais, o climão não passou despercebido e rendeu muitas críticas a Fiuk, que teve seu nome entre os assuntos mais comentados do Twitter nesta sexta-feira (3).

Fiuk no Lady Night INSUPORTÁVEL, (nada de novo sob o céu aliás). O cara é chato MESMO. Um poste é mais interessante. Tatá Werneck profissional do car*lho, manteve o programa na boa apesar de ter sido muito desestabilizada“, detonou um internauta. “Nem Tatá Werneck conseguiu deixar essa entrevista ‘relevante’ ou no mínimo garantir uns memes bacanas. Super picotado, o bate-papo, sinceramente seria melhor nem ter exibido. Se fosse dar uma nota, seria dó“, disparou outro.

Continua depois da Publicidade

Eu acabei de ver a participação do Fiuk no #LadyNight e é vergonhoso. Ele não gostou das brincadeiras e a participação dele acabou aos 14 minutos e 57 segundos, o resto do programa é com o Thiaguinho que rendeu muito mais. Veja quantas fichas a Tatá Werneck tinha na mesa e não usou“, observou uma pessoa. Veja mais reações:

Continua depois da Publicidade

Continua depois da Publicidade

Continua depois da Publicidade

Relembre a polêmica

Em agosto, um internauta relatou que teria participado da plateia do “Lady Night” com presença de Fiuk, e entregou o climão entre o cantor e Tatá. A história começou lá no Twitter, quando um perfil estava comentando sobre a participação de Juliette no talk show. Foi quando um garoto se manifestou, dando um “spoiler” sobre o programa com o músico. “Eu participei da plateia do Lady Night com Fiuk e foi horrível. Ele tem o poder de tornar tudo chato e quase fez a Tatá cancelar o programa, porque não estava gostando das piadas sobre ele“, disparou Matheus Felipe.

Continua depois da Publicidade

Nos comentários, os internautas ficaram curiosos para saber mais sobre a situação. “O Fiuk conseguiu estragar o Lady Night? Socorro“, tuitou uma pessoa. Matheus, então, continuou seu depoimento. “Conseguiu. Ficou um climão. A Tatá não podia falar nada que ele ficava: ‘Ah, poxa, Tatá, pensei que ia ser divertido aqui, mas não gosto que fique falando disso. (Falando sobre ele ser uma chaminé com pernas)“, contou o rapaz.

Na época, Tatá chegou a se manifestar e tentou amenizar a situação. “Amores, eu adoro o Fiuk. Ele é um homem lindo, sensível, inteligente e talentoso. Tá tudo bem. Na pandemia ninguém tá no seu melhor estado emocional. A gente sabe o quanto comentários maldosos podem ferir alguém na internet #publi (tô zoando)“, brincou a humorista, com o uso da hashtag.