Record pode livrar Rede Globo de disputa judicial que quer impedir reprise de “A Força do Querer”, diz site; Vem entender!

Na última sexta-feira (17), a Rede Globo confirmou ao hugogloss.com que a novela “A Força do Querer” foi escalada para substituir “Fina Estampa” no horário nobre. Ao contrário dos fãs da trama, Fabiana Escobar, mulher que inspirou a personagem Bibi Perigosa na obra de Gloria Perez, não ficou muito contente com a notícia, e entrou com uma petição judicial para tentar impedir que a emissora reprise a produção.

Escobar alega nunca ter recebido a verba que lhe foi prometida em contrato, por direitos autorais. Caso as partes envolvidas no processo não cheguem a um acordo, pode haver ainda outra forma da novela ir ao ar. Segundo o Notícias da TV, Fabiana deixaria a briga judicial de lado, caso a Record a convide para participar da próxima temporada de “A Fazenda”.

Continua depois da Publicidade

De acordo com a assessoria de imprensa de Escobar, a carioca tinha esperanças de ser convocada para integrar o elenco do reality, que deve estrear em setembro na emissora. Além da possibilidade de divulgar seu trabalho na telinha, o cachê ganho com o programa ajudaria bastante Bibi, que sustenta sua família financeiramente e passou por momentos complicados ao ver a mãe lutando contra a Covid-19 nesse ano. Felizmente, ela superou a doença!

Seria Fabiana uma das peoas da vez? (Foto: Reprodução/YouTube)

Entenda a briga judicial de Fabiana com a Globo

Após a novela “A Força do Querer” ser escalada para substituir “Fina Estampa” no horário nobre da Rede Globo, Fabiana Escobar, mulher que inspirou a personagem Bibi Perigosa na obra de Gloria Perez, entrou com uma petição judicial para tentar impedir que a emissora reprise a produção,

De acordo com o site Notícias da TV, Fabiana diz não ter recebido a verba que lhe foi prometida em contrato, pela venda do folhetim a países estrangeiros. A carioca já tinha entrado na Justiça contra a Globo em 2018, pedindo um valor de R$ 500 mil, mas até então, ela e a emissora não haviam chegado a um acordo.

Na nova petição, encaminhada na 43ª Vara Cívil do Rio de Janeiro, os advogados de Escobar alegam “descumprimento contratual, por entenderem que a efetiva reprise [da novela] afeta sensivelmente os interesse comerciais e autorais já vilipendiados pela emissora ré em relação a demandante“. Afim de encerrar a disputa judicial, a defesa da escritora ainda pede que a Globo faça uma nova proposta financeira, reajustando o valor de R$ 500 mil em relação a danos materiais, lucros cessantes, resolução contratual e compensação de direitos autorais.

A verdadeira Bibi Perigosa. (Foto: Reprodução)

Fabiana compareceu nessa terça-feira (21) a um tribunal no Rio de Janeiro, para a petição de cumprimento. Uma audiência conciliatória sobre o caso estava marcada para acontecer no dia 16 de abril, porém foi suspensa por conta dos efeitos da pandemia do coronavírus.

Moradora da Rocinha, a Bibi Perigosa da vida real disse estar em busca de seus direitos. “Eu passei 2017 à míngua, na hora que eu deveria estar bem amparada. Eu quero cada moeda, cada centavo que for do meu direito. Não adianta me dar parte, dar pedacinho, ficar pagando aos poucos. Eu quero tudo que é de meu direito”, declarou, em conversa com o site Fala Roça.

Em live transmitida ainda ontem (21), Bibi deu mais um parecer sobre o caso, durante bate-papo com os seguidores. “Gente hoje foi um dia especial, que estourou essa ‘bomba atômica’. Vocês acompanharam durante o dia notícias sobre o pedido que meus advogados fizeram. Eu não quero atrapalhar ninguém, não quero impedir nada! Quero só resolver”, começou.

“Vocês acham que eu vivi uma história, escrevi sobre ela, compartilhei e autorizei que fosse feita uma novela inspirada nessa história, e eu não ia gostar de assistir? Eu assisti, e ela foi feita com muito cuidado pela Gloria Perez. Mas tem uma burocracia, um contrato que não foi cumprido no período que teria que ser, e agora virou um processo. Então, se vocês querem ver a reprise da novela, vocês peçam para a Rede Globo me pagar tudo! E agora vai ter que pagar pelos danos, porque me causaram, sofri danos por isso”, declarou. Veja a partir de 2’25”:

Confira a declaração dos advogados de Fabiana Escobar na íntegra:

“Os direitos advindos do contrato realizado entre as partes não foram efetivamente cumpridos, razão pela qual a continuidade ou a reprise da novela conforme está sendo divulgado nos meios de comunicação, sem que haja a contrapartida em relação aos direitos autorais e conexos da demandante, não deve ser permitida por este juízo.

Outrossim, requer a autora a suspensão em caráter provisório da reedição ou da reprise da novela ‘A Força do Querer’ pela emissora ré, em sede liminar por ocasião do descumprimento contratual denunciado nos autos deste processo, bem como por entender que a sua efetiva reprise afeta sensivelmente os interesse comerciais e autorais já vilipendiados pela emissora ré em relação a demandante.

Assim, requer a autora inicialmente a intimação da ré para apresentação de proposta conciliatória, tendo em vista a impossibilidade de realização da referida audiência pelas razões acima suscitadas”, concluíram os profissionais, em depoimento.

Juliana Paes no papel de Bibi Perigosa. (Foto: Divulgação/Globo)

“A Força do Querer” marcou a volta por cima de Gloria Perez no horário nobre da Globo, após a exibição de “Salve Jorge” (2012), que recebeu duras críticas do público. Juliana Paes ficou com o papel de uma das protagonistas, Bibi Perigosa. Assim como na história real de Fabiana Escobar, a personagem era mulher de um traficante de drogas, que também acabava se envolvendo no crime de uma favela carioca.