Paul Wesley confirma comentário de Nina Dobrev sobre os dois se detestarem no início de “The Vampire Diaries”: “Batemos de frente”

Recentemente, Nina Dobrev deixou os fãs de “The Vampire Diaries” chocados ao revelar que, na primeira temporada da série, ela e Paul Wesley sentiam total desprezo um pelo outro. No entanto, em entrevista ao ET Online, o intérprete do vampirão Stefan Salvatore confirmou que é tudo verdade!

“Sim, mas eu preciso te dizer, foi um pouco para conseguir visualizações o que eles fizeram”, disse, referindo-se as manchetes que saíram sobre o assunto mais tarde. “O que a [Nina] disse é completamente verdade. Nina é uma ótima amiga agora, nós conversamos o tempo todo. Porém, quando nós começamos a filmar ‘The Vampire Diaries’, nós batemos de frente. Nós não nos demos bem. Criativamente, não estávamos em sintonia”, ele revelou.

E o astro compartilha da visão dela de que o público jamais imaginaria do ranço entre os dois, se eles não falassem sobre o assunto. “Os fãs jamais saberiam disso. Nós basicamente estávamos deixando um ao outro maluco, e então, depois de algumas temporadas, nós desenvolvemos esse amor mútuo e absoluto. Na verdade, acho que as minhas melhores amizades sempre vêm desta evolução. E agora, eu simplesmente a amo, ela me adora, e eu converso com ela mais do que qualquer outro colega de elenco [de ‘The Vampire Diaries’]”, afirmou. Final feliz, né?

Nina Dobrev e Paul Wesley como Stefan e Elena em “The Vampire Diaries”. Dá pra imaginar o ódio? Não dá! Kkk (Foto: Reprodução/The CW)

Ele também contou que mandou mensagem para Nina após ouvir os comentários dela sobre a relação inicial dos dois: “Foi um pouco fora de proporção, mas é verdade… [Nina] ficou tipo: ‘Oh, meu Deus. Eu sinto muito!'”. Paul ainda analisou o choque dos fãs. “Eu acho que a razão pela qual as pessoas ficaram surpresas, foi porque era o pilar da história de amor, eu suponho, nas primeiras temporadas, e as pessoas pensaram: ‘Como assim eles não se gostavam?!”, observou.

Relembre a versão de Nina

No podcast “Directionally Challenged”, Nina Dobrev revelou que “desprezava” seu colega de cena, Paul Wesley. “Paul e eu não nos dávamos muito bem no começo da série”, iniciou a estrela. “Nós realmente apenas não nos dávamos bem nos cinco primeiros meses de filmagens”, contou ela, que também tem um palpite do porquê disso ter passado despercebido. “Nós nos desprezávamos tanto, que isso foi lido como amor”, disse, aos risos.

O mais engraçado de tudo é que todos acreditavam que eles estavam juntos, depois de vê-los em cena. “Eu lembro que todos que me encontravam depois que a série foi ao ar, falavam ‘Você e o Paul estão namorando na vida real?’, porque todos pensavam que tínhamos uma boa química”, adicionou. Sabemos bem qual é essa química… a química do mal! Kkkk

Afinal, Nina entendeu melhor a situação, e viu que “existe uma linha tênue entre amor e ódio”. De qualquer forma, apesar do “rancinho” de leve, a relação entre eles sempre foi respeitosa. “Eu respeitava Paul Wesley. Eu não gostava do Paul Wesley”, explicou Dobrev.

Paul Wesley e Nina Dobrev mais que amigos, friends! (Foto: Ethan Miller/Getty Images)

Mas depois de tantas temporadas, as coisas tinham que se acertar, né? E foi exatamente assim. Apesar do início ter sido turbulento, nossos eternos Stelena passaram a ser amigos. Segundo Nina, agora eles são “realmente bons amigos” e saem muito juntos: “Terminamos em um boa situação”. Ao menos um refresco para os fãs tinha que ter, né? Kkkk Ouça a entrevista completa aqui: