Jesse Williams 2

Jesse Williams, ex-astro de “Grey’s Anatomy”, consegue redução temporária da pensão alimentícia de seus filhos

O ator, que ficou 12 anos no elenco de “Grey’s Anatomy”, alega que sua renda mensal caiu “drasticamente” depois que deixou a série

Nesta sexta-feira (8), o astro Jesse Williams, intérprete de Jackson Avery em “Grey’s Anatomy“, ganhou na justiça norte-americana a possibilidade de diminuir temporariamente o valor pago de pensão alimentícia a seus dois filhos, Sadie, de 8, e Maceo, de 6 anos. Segundo o TMZ, o pedido se deu por conta de seus ganhos mensais terem diminuído “drasticamente” desde que o ator deixou o elenco da série médica.

De acordo com os documentos obtidos pela publicação, os valores mudaram por alguns meses e foram de US$ 40 mil (R$ 187 mil) para US$ 6,4 mil (R$ 30 mil), depois da solicitação feita no fim de março deste ano. A decisão é válida até acabar o espetáculo da Broadway chamado “Take Me Out”, do qual o artista integra o elenco. A matéria diz, ainda, que assim que acabar a temporada, ele e sua ex-esposa, Aryn Drake-Lee, terão de voltar ao tribunal para lidar com o restante das questões que envolvem o caso.

Em entrevista ao E! News quando pediu redução da pensão, Williams apontou que perdeu sua principal fonte de renda. “Estou solicitando ao tribunal que reduza a pensão alimentícia para uma quantia razoável que eu possa pagar, dada a redução significativa na minha renda e a natureza flutuante da minha renda. Não estou mais em ‘Grey’s’. Minha última aparição foi em maio de 2021”, acrescentou.

Jesse Williams integrou o elenco da série por 12 anos. (Foto: Divulgação/ABC)
Jesse Williams integrou o elenco da série por 12 anos. (Foto: Divulgação/ABC)

Williams questionou o valor na época, alegando que o estilo de vida dos filhos era “modesto”. “Eles não têm hobbies caros ou frequentam acampamentos caros. Eles não voam em jato particular quando tiramos férias (que já são raras) e não temos casas de férias. Eu concordei com a pensão alimentícia exclusivamente devido à minha então significativa renda de ‘Grey’s'”, afirmou.

Continua depois da Publicidade

Divórcio turbulento

O ator de 40 anos se casou com Aryn Drake-Lee em 2012, mas o casal deu início à separação em 2017. Foi somente em outubro de 2020 que o divórcio se encerrou, com Jesse devendo muito dinheiro para sua ex-mulher. Após o processo, ambos ganharam a custódia legal e física conjunta dos filhos e concordaram em discutir antes de postar fotos das crianças nas redes sociais.

Em relação às questões financeiras, Williams ficou com os US$ 936,8 mil (R$ 5,2 milhões) que ganhou por sua atuação em “Grey’s Anatomy” desde o início da separação, em 2017. Outros bens que foram acumulados durante o casamento foram divididos.

Gettyimages 101908982 1 768x1070
Jesse Williams e Aryn Drake-Lee juntos em uma festa, em 2010. (Foto: Getty)

Entretanto, desde essa época, já existiam problemas com a pensão para os herdeiros. Segundo o TMZ, do período de abril de 2017 a outubro de 2019, o valor da pensão era de US$ 50,6 mil (cerca de R$ 285 mil) por mês. A partir de 2019, o montante passou para US$ 40 mil (cerca de R$ 225 mil) por mês. Em reais, a quantia acumulada que ele deve equivale a R$ 11,5 milhões.

O ator saiu de Grey’s Anatomy em maio do ano passado, depois de interpretar Jackson Avery por 12 anos. Na época, Jesse disse que a saída foi totalmente natural. “Foi realmente uma [coisa] coletiva. Não começou com a decisão, acabou sendo o que faz sentido para a jornada do personagem. Estávamos descobrindo para onde esse cara está indo, e algo dizia que ele não poderia mais ficar aqui. Ele tem feito essas caminhadas e uma jornada pessoal, e ele não tem sido capaz de manter um relacionamento desde April”, afirmou ao TV Line.