2019 Creative Arts Emmy Awards Arrivals

Kim Kardashian rebate jornalista após insinuação de que ela não divulgou diagnóstico de Covid-19 para evitar críticas sobre viagem; entenda

No episódio de “Keeping Up With The Kardashians” lançado ontem (27) nos Estados Unidos, Kim relevou ter testado positivo para Covid-19 em novembro de 2020. Segundo a empresária, o filho Saint foi contaminado primeiro, na escola. No entanto, a jornalista Ellie Woodward, do Buzzfeed News, elaborou uma “linha do tempo” e apontou que a doença se manifestou na família 10 dias após a viagem de aniversário de Kim, chamando atenção para o fato de que a família não falou nada sobre o assunto na época. Nesta sexta-feira (28), a proprietária da SKIMS rebateu a matéria através das redes sociais.

No Twitter, a estrela voltou a dizer que testou positivo após o filho Saint e que ninguém foi contaminado durante sua viagem de aniversário. “Falso. Ninguém pegou Covid na viagem. Saint foi o primeiro na família e ele pegou na escola de outro estudante que testou positivo. Depois eu tive sintomas e peguei [a doença] dias após ele tossir em mim enquanto eu cuidava dele”, respondeu. Kim contou que seus outros três filhos – North, de 7 anos; Chicago, de 3 anos; e Psalm, de 2 anos – também tiveram a doença.

 

No entanto, a matéria do BuzzFeed News não insinua que a doença foi contraída na viagem — e sim que foi escondida na época para evitar críticas. Para começar, é questionado o porquê de Kim não ter tornado o diagnóstico público ainda em 2020, já que sua vida é tão transparente. “É interessante que a família optou por não ir a público sobre o diagnóstico de Covid-19 de Kim na época. Isso parece incomum para Kim, cuja vida e questões médicas são sempre um livro aberto”, observou Woodward na matéria.

Continua depois da Publicidade

A jornalista deixou claro que não estava dizendo que a família tinha pegado o vírus na viagem: “Nós não sabemos exatamente onde ou de quem Kim contraiu o vírus (é subentendido no episódio que ela pegou de Saint), mas nós sabemos com certeza que aconteceu depois que ela foi criticada por ter uma atitude aparentemente arrogante em relação à pandemia com suas férias grandiosas”. Na época da viagem, Kim foi “cancelada” na internet por fazer um grande evento durante a pandemia. Logo, Woodward alega que a empresária não falou do diagnóstico na época para não chamar ainda mais atenção para a situação. “Parece claro que depois daquele desastre de relações públicas que foi a viagem, a família decidiu não revelar o diagnóstico de Covid-19 para evitar mais críticas”, escreveu.

Após as respostas de Kim no Twitter, Woodward ainda acrescentou no texto: “Nunca foi sugerido que a Kim contraiu o vírus na viagem — apenas que ela testou positivo pouco tempo depois de retornar, e que decidiu não revelar seu diagnóstico em tempo real para evitar críticas”.

Como o diagnóstico foi revelado durante “KUWTK”

No clipe do 10º episódio da última temporada de “KUWTK”, divulgado na quinta-feira (27), a protagonista do reality show mostra parte de seus dias antes e depois da confirmação da infecção. “Então, meu pequeno Saint testou positivo para Covid. Ele está indo bem, não tem maiores sintomas, teve apenas um pouco de febre”, diz Kim em conversa com seu médico. “Nós testamos as crianças uma vez por semana porque elas vão para a escola. Alguém lá testou positivo e meu filho esteve perto dessa pessoa. Saint está com Covid e estou preocupada com ele. Ele está chorando e tossindo em mim. Estou tentando não assustar ninguém, mas agora preciso descobrir o que vamos fazer, principalmente com as outras crianças”, desabafou. 

Kim e North foram contaminadas pela doença logo após Saint. “Estou me sentindo uma m*rda. North e eu continuamos nos sentindo doentes. Nós fizemos os testes antes de ir para a cama e acordamos de manhã com o resultado positivo. […] Deveria ter 12 horas de estudo todos os dias até a prova [de Direito], mas eu me sinto tão doente e tão mal com Covid que mal consigo sair da cama e estudar”, compartilhou, visivelmente abalada. Kanye, pai das crianças, foi infectado ainda em fevereiro de 2020, quando o novo coronavírus era cientificamente ainda pouco conhecido, já Khloé Kardashian teve a doença em julho do ano passado. 

Continua depois da Publicidade

O diagnóstico de Kim aconteceu na semana em que ela estudava para refazer o primeiro exame de estudantes de Direito, no qual ela não passou e se sentiu bem frustrada, mas o cuidado com os filhos foi mais importante do que qualquer coisa. “Cuidar das minhas crianças obviamente vem primeiro”, declarou. O clipe do episódio ainda mostra alguns bastidores da preparação para o aniversário da empresária. Aparentemente, os convidados foram testados e ficaram isolados até o momento da viagem. Assista ao clipe do episódio: