Fotojet (16)

Zé Neto, da dupla com Cristiano, faz imitação homofóbica em live, e depois pede desculpas: “Tenho gays na família”; assista

O cantor Zé Neto, da dupla com Cristiano, se tornou alvo de críticas nas redes, após fazer uma “brincadeira” homofóbica durante uma live transmitida neste sábado (5). A situação começou quando o sertanejo, que é palmeirense, teve que usar uma camisa do São Paulo Futebol Clube ao longo do show virtual, como forma de cumprir uma aposta perdida.

No momento em que vestiu a peça de roupa, entretanto, o músico começou a imitar trejeitos atribuídos a homossexuais, insinuando que os torcedores do tricolor paulista fossem gays – pior, como se houvesse algo de errado nisso… “Coloquei essa camisa, já estou me sentindo bem. É sério, filma aqui! Nossa, estou super tranquilo agora. Tá vindo um ventinho gelado, não tá?”, disse Zé Neto, enquanto virava as mãos e empinava o quadril, numa imitação caricata e ultrapassada.

Continua depois da Publicidade

Em outro momento da transmissão, César Menotti & Fabiano se juntaram aos amigos sertanejos. Foi então que Cristiano soltou também um comentário que desagradou internautas. “Saudade do tempo que opinião não era crime. Saudade daquela época que opinião era igual c*, cada um tinha o seu. Agora, f*deu. É ‘goste do que eu gosto, se não eu não gosto de você'”, declarou o cantor. César tentou consertar as coisas, explicando que discursos racistas ou homofóbicos, por exemplo, não podem ser considerados somente como opinião.

Mais tarde, o duo que comandou a live voltou a disparar declarações problemáticas. “Eu brinco com todo mundo! Eu brinco até com o padre, meu negócio é zoar, tirar sarro. Se quiser me interpretar bem, me interpreta bem. Se quiser me interpretar mal também, fica à vontade. Eu só desejo que Deus abençoe todo mundo”, avisou Zé Neto. Cristiano então faz algumas reclamações sobre a “geração da internet”, quando foi interrompido pelo amigo de dupla. “Vou falar pra vocês, viva as diferenças! Cada um goza por onde gosta”, comentou o sertanejo, tirando risadas de pessoas ao redor.

Pedido de desculpas

Ainda durante a exibição ao vivo, Zé Neto possivelmente foi avisado sobre a repercussão negativa de suas “brincadeiras” e então se desculpou com o público. “Preciso falar. Isso aqui foi uma brincadeira. Sei que existem as causas, existem pessoas na minha família que são de outras opções sexuais, a gente respeita todo mundo”, começou, sendo logo avisado que o termo correto a se usar é “orientação sexual”.

O cantor continuou, avisando que não tinha intenção de magoar ninguém, dando também aquela resposta manjada de que tem homossexuais na família e no círculo de amigos: “Se alguém se sentiu ofendido, do fundo do coração, essa não foi minha intenção. Minha intenção foi brincar, a gente está zoando. Peço desculpas aqui ao vivo! Não estou preocupado se vão me cancelar e tal. Eu estou falando por sentir que talvez tenha me expressado mal, talvez o pessoal tenha entendido mal. Eu tenho pessoas gays na minha família, tenho gays como amigos, que trabalham comigo”.

“Não tenho nenhum tipo de preconceito com ninguém que tenha outro tipo de opção, certo? Não é opção, a pessoa nasce desse jeito e a gente respeita. Tenho filhos novos, não sei o que eles vão ser futuramente. Falando abertamente, se vocês se sentiram mal, com todo carinho… Não estou nem aí para o que vão falar, não sei a proporção que tomou, estou aqui na live. Se foi de mau gosto para alguns, me desculpem”, concluiu.

Muita gente não se contentou com as desculpas e repudiaram o comportamento do cantor na web, que teve seu nome figurando os assuntos mais comentados do Twitter. “Depois de vestir a camisa, Zé Neto fez o que a gente luta contra há anos: ‘Imitou’ um homossexual. Lamentável, cara”, comentou o jornalista William De Lucca. “Zé Neto e Cristiano, homofobia em plena live. Que vergonha por vocês!”, afirmou a internauta Daniela Alessandra.

Outros perfis também apontaram que Luiza, da dupla com Maurílio – uma das presentes na live – se mostrou bastante desconfortável com o que ouvia durante a noite. Questionada por um fã, Marcela McGowan, namorada da cantora, disse que a sertaneja “está ok”, após o ocorrido. O caso envolvendo Zé Neto e Cristiano escancara a homofobia estrutural e acontece justamente no mês do orgulho LGBTQIA+.

Confira mais reações: