Xuxa

Pacto? Compositor de “Ilariê”, da Xuxa, finalmente explica qual o significado do termo e a origem da música

Lançada em 1988, “Ilariê” ficou conhecida em todo o Brasil na voz de Xuxa

Quem foi criança nos anos 1990, com certeza ouviu a música “Ilariê”. A faixa foi um dos maiores sucessos de Xuxa, e também alvo de muitos rumores. O mais famoso, inclusive, de que ela representaria um suposto pacto entre a Rainha dos Baixinhos e o diabo. Mais de 30 anos após o lançamento da canção, entretanto, o compositor da música falou a verdade sobre o hit infantil.

Cid Guerreiro, hoje convertido à religião evangélica, escreveu a música em 1988. Segundo o baiano, o termo que dá nome à canção é inspirada na palavra “hilária” e não tem nada a ver com uma invocação satânica. “A Xuxa é uma pessoa animada, feliz, alto astral, sempre para cima. Ela é hilária. Criei o refrão pensando nisso“, revelou ele, nesta segunda (20), ao Splash, do UOL.

Na música da Bahia, temos muito forte isso do refrão com ‘iê iê’, ‘uô uô’. ‘Ilariê’ vem disso. Eu precisava de um refrão forte e, na época, tinha uma música de sucesso chamada ‘Dança do Bambolê’, fiz para rimar“, explicou. Com isso, ele tenta dar fim à lenda urbana de que, ouvida ao contrário, a faixa seria uma celebração ao diabo.

O boato surgiu dentro da igreja evangélica. Falavam que era um ex-bruxo que virou pastor e espalhava que ‘Ilariê’ tinha a ver com ‘erê’, as crianças do candomblé, que a Igreja considera como pequenos demônios“, relembrou Cid. Em seguida, ele deu mais detalhes: “Inventaram que era uma palavra de um dialeto africano, sendo que fui eu que inventei. Esse cara dizia que eu fiz o pacto e entreguei a música para a Xuxa. Ela era o alvo“.

Continua depois da Publicidade

Cid não é a primeira pessoa ligada diretamente à produção da música que se pronuncia sobre o suposto pacto. No ano passado, a própria Xuxa chegou a se defender das afirmações em entrevista ao canal Seja Seu. “Já ouvi algumas pessoas falando, lá no início, que eu tinha pacto com o diabo. Meu Deus do céu! Alguém que tem pacto com o cara lá embaixo não poderia ter nem um terço das coisas que tenho, porque isso dá muita força para o cara. Eu tenho realmente uma relação de amizade, de amor, é com o cara lá de cima. Não sou só eu que tenho, muita gente também tem… mas Ele também tem [essa relação] comigo. Se não, eu não teria o que eu tenho“, explicou. Assista: