A Fazenda 13: Dayane Mello é acusada de racismo por internautas após fala no reality; Giovanna Ewbank e Samantha Schmütz também se revoltam: ‘Vontade de vomitar’

Na manhã dessa terça-feira (21), o nome de Dayane Mello apareceu entre os assuntos mais comentados do Twitter, mas não por um bom motivo… Acontece que a participante de “A Fazenda 13” está sendo acusada por internautas de racismo, devido a uma conversa que teve com o sertanejo Tiago Piquilo, na noite anterior.

Durante o papo, ambos falavam sobre tomar banho de sol quando a modelo contou que não podia ficar “morena” por conta de sua profissão. “Tu sabe que eu não posso ficar muito morena no meu trabalho, né?”, afirmou ela, causando estranheza em Tiago. “Não?”, questionou o músico. “Não, tem que ser branquinha. As campanhas não querem muito morena, querem uma beleza um pouco mais elegante do que muito… sabe… morena”, sussurrou a peoa.

Continua depois da Publicidade

“Não posso pegar muito sol. As marcas, às vezes, não querem”, continuou a ex “Big Brother Itália”. “É mesmo?”, surpreendeu-se Tiago. “Eles não querem marquinha de lingerie, não querem nada dessas coisas… Também não me importo com o sol, o sol envelhece”, concluiu Dayane. Confira um registro do diálogo:

Não demorou para que a fala repercutisse nas redes. Para muitos, não há dúvidas de que Dayane fez um comentário racista. Outros, entretanto, saíram em defesa da moça, alegando que a peoa apenas se referia a corpos sem marquinhas de biquíni ou lingerie.

Como muito bem explicado pela jornalista Aline Ramos, do UOL, ao citar a preferência das marcas por peles claras, Mello acabou relacionando a branquitude como sinônimo de elegância. Não é segredo que a indústria da moda, mesmo nos dias atuais, ainda é racista. Day, entretanto, não explicitou que discorda desse posicionamento. O fato dela sussurrar a palavra “morena”, como se fosse um termo proibido, também pegou mal.

Esses fatores explicam o motivo da revolta de diversas pessoas na web. “O jeito que ela fala ‘morena’ dá vontade de vomitar na cara dela! Que nenhuma marca contrate essa deselegante… Deixa ela ficar transparente!”, disparou a atriz Samantha Schmütz, no Instagram. “Nossa, vontade de vomitar… Que garota deselegante, sem noção e que só fala m*rda… Não é a primeira vez”, lamentou Giovanna Ewbank.

“O problema na fala da Dayane foi o modo que ela falou, você não precisa ser do Brasil pra saber o que é cara de nojo/repúdio. Ela poderia ter só criticado a indústria de moda e seus padrões, mas todos sabem que não foi isso”, apontou outro perfil. “Ela poderia ter falado assim ‘eles preferem um corpo branco’. Ok, isso não é racista, agora dizer que branquinho é mais elegante e falar morena sussurrando com cara de nojo, foi obviamente racista”, apontou outro. Veja mais reações:

Até o momento, a equipe de Dayane não se manifestou sobre o caso.