Amor de Mãe: Lurdes e Thelma divergem sobre quarentena e coronavírus em propaganda DE ARREPIAR da parte final da novela; vem assistir!

Como essa noite findará?! Só vamos descobrir em 2021! Kkkk Após muita especulação, nesta quarta-feira (29), a rede Globo confirmou que a novela “Amor de Mãe” só retornará no próximo ano. Ainda sem data para estrear a fase final na programação, a trama sofrerá mudanças drásticas para se adaptar à nova realidade do mundo com a pandemia do novo coronavírus.

A emissora carioca revelou a decisão final sobre o retorno da novela com um vídeo que está exibido ao longo da sua programação. Nele, diversas cenas marcantes da história são relembradas enquanto as personagens Lurdes (Regina Casé) e Thelma (Adriana Esteve) narram seus sentimentos durante a quarentena, que será retratada na trama. “O que eu mais queria era que esse ano começasse de novo! Porque eu vou te contar, 2020 veio com defeito! Chega de negócio de pandemia, chega de quarentena! Ninguém aguenta mais isso, não!”, desabafa a babá.

Será que o romance de Betina (Isis Valverde) e Sandro (Humberto Carrão) vai voltar com tudo em “Amor de Mãe”? Foto: Victor Pollak/Globo

A mãe adotiva de Domênico (Chay Suede), que encerrou a primeira fase assassinando Rita (Mariana Nunes) com o intuito de proteger seu segredo, comemora o isolamento social. “Por mim essa quarentena não acaba nunca! Tá bom assim. Cada um na sua casa, sem bisbilhotar a vida dos outros”, diz.

Já Lurdes adianta que sua busca pelo filho perdido continuará o quanto antes. “Eu não fui feita pra ficar trancada dentro de casa. Eu quero ir pra rua, quero bater perna, ir atrás do meu filho Domênico. Não tem pobreza, não tem distância, não tem corona, covid, não tem nada que vá me impedir de achar meu filho”, garante. A voz de Thelma encerra o texto com o tom ainda mais sombrio. “A Lurdes já tem os outros filhos dela, o Danilo é meu!”, dispara. Eita! Assista ao vídeo:

De acordo com a coluna do jornalista Fefito, do Uol, “Amor de Mãe” vai sofrer grandes mudanças nesta reta final, principalmente pelo fato de ter tido seu tempo de história reduzido para 23 capítulos. Por conta disso, muitos personagens não devem sequer retornar para a história, a exemplo de Tales (Alejandro Claveaux). O elenco infantil, que mobiliza maior número de profissionais nos estúdios com seus pais, também deve ter o número de cenas reduzido, e o foco deve ficar mesmo nas tramas centrais.

A publicação ainda relatou que as filmagens no Projac devem ser retomadas no dia 10 de agosto. O ritmo por lá deve ser bem mais lento do que o de costume, justamente para preservar a segurança de todos os profissionais envolvidos. Enquanto isso, a rede Globo segue exibindo a reprise de “Fina Estampa” e em seguida iniciará “A Força do Querer”, da autora Glória Perez.