Sandy e Junior antecipam fortes emoções em episódios de série documental e revelam bastidores de polêmicas: “Veio um período de depressão, de pânico”; confira!

Enquanto o coração dos fãs bate mais alto na expectativa, Sandy e Júnior anteciparam hoje (9) alguns segredinhos da série documental “Sandy e Júnior: A História”, que estreia nesta sexta (10). Durante coletiva de imprensa, os artistas responderam como foi abordar feridas antigas e tópicos delicados de suas vidas — como alguns rumores que os acompanharam durante a juventude.

Entre as polêmicas da carreira da dupla que foram abordadas pela série, estão, por exemplo, as questões envolvendo a sexualidade de Sandy e Junior. O músico avaliou o quanto foi difícil lidar com tais dilemas: “Tive a sorte de assimilar essas coisas como desafio, gasolina pra correr atrás das coisas… Tem horas [no trailer] que eu apareço com raiva e era isso mesmo. Isso me machucou por muito tempo”.

Na série, Júnior se emociona ao abrir o coração sobre polêmicas que encararam ainda na juventude. (Foto: Reprodução/Globoplay)

“Eu não tinha coragem pra lidar com esses assuntos. Veio um período de depressão, de pânico. Foram inevitáveis, de tudo a gente viveu. Tem um lado negativo, tudo na vida tem”, confessou Junior. No entanto, eles enxergam no documentário uma chance de assimilar tudo com certo distanciamento e mais maturidade. “Foi bom pra gente ficar em paz com a nossa história”, respondeu Sandy, de acordo com o irmão, que continuou: “Ocupou um lugar de cura pra gente”.

Sandy acredita que a série foi como uma terapia, em que puderam avaliar tudo o que aconteceu, enxergar os fatos com clareza, mas também defenderem suas versões sobre muitos rumores. “A história sempre foi contada por um viés jornalístico, ou comercial. Muitas vezes com distorções… A gente tá tendo a chance de contar da nossa própria boca, de como a gente viveu tudo isso e como tudo aquilo rebateu na gente”, ela afirmou.

Os irmãos consideram que revisitar suas trajetórias foi como “uma cura” em suas percepções da história. (Foto: Reprodução/Globoplay)

Segundo Junior, “o episódio quatro é especificamente sobre isso: boatos e polêmicas”, como por exemplo, a cena em que ele comenta os boatos de que seria gay, de que usaria drogas, entre outros. Esse episódio, inclusive, é um dos mais sentimentais para os irmãos. “O quarto pra mim é o mais doído, mas é um ponto muito pessoal, das nossas dores. A gente abriu muito o coração ali”, acrescentou. De acordo com eles, o primeiro episódio – que mostra o fim da dupla, lá em 2007 – também promete arrancar lágrimas dos fãs.

Sandy e Junior anteciparam que são vários os materiais nunca vistos antes pelo público, como cenas de seu último show da carreira como dupla, até mesmo conversas privadas que nem lembravam de ter acontecido. Tudo isso aconteceu graças ao arquivo de gravações caseiras de programas e apresentações, e aos mais de 250 DVDs compartilhados por Noely, a mãe dos artistas, e por mais familiares.

[A série tem] Gestos da gente criança. Coisa em que você vê o nascimento das nossas ideias. Tem imagens da gente em casa antes de fazer o primeiro show da nossa vida”, citou Junior, fascinado com o conteúdo que eles vasculharam. “Eu fiquei bastante impactada pela cobertura do Rock in Rio”, opinou Sandy, dizendo que não lembrava dos bastidores desse grande momento  Quanto à nostalgia, os dois não têm dúvida! “Foi uma delícia, foi precioso demais lembrar isso. Porque muitas coisas foram filmadas e ficaram guardadas, não estavam nem com a gente”, mencionou a artista.

Foram vários os arquivos resgatados da vida de Sandy e Junior, desde a infância. (Foto: Reprodução/Globoplay)

Com todo bom humor, Junior comentou até mesmo do fatídico episódio da banheira com miojo, ao falarem sobre escolhas de sua carreira que poderiam ter sido diferentes. “Uma banheira de miojo dava pra ter sido evitada? Dava. Muita coisa dava pra ter feito diferente”, comentou ele. Mas, como “Sandy e Junior: A História” mostra, não há arrependimentos nessa trajetória. “A gente poderia fazer muita coisa diferente. Mas essa história trouxe a gente até aqui. Então, eu valorizo muito ela”, complementou Sandy.

Também podemos esperar por muita sinceridade e profundidade na narrativa – muito por conta da proximidade dos cantores com Douglas Aguillar, diretor da produção. “O Douglas é um dos meus melhores amigos. Acabou que ele fez um mergulho. A gente se sentiu à vontade pra entregar tudo e todo arquivo que a gente tinha”, disse Junior. “A gente tinha a segurança de que se a gente se arrependesse, a gente poderia falar, ‘tira isso'”, adicionou Sandy, justificando que o pedido nem foi necessário.

Apesar de tudo, não há qualquer sombra de arrependimento para Sandy e Junior. E os dois se encantaram muito nesse processo! (Foto: Reprodução/Globoplay)

O diretor, por sua vez, colocou nossas expectativas sobre a produção lá em cima. “Então, para quem achava que sabia tudo sobre Sandy e Junior, irá se surpreender. Eles abriram a vida deles como nunca tinham feito antes. Além disso, os fãs estão presentes o tempo todo e são muito homenageados”, antecipou Douglas. Sandy também não escondeu que os fãs ficarão empolgados com o conteúdo: “O que vocês sempre quiseram ver, agora a gente tá pronto pra mostrar”.

Alguém tem dúvidas de que será incrível? Mal podemos esperar! Os sete episódios de “Sandy e Junior: A História” estreiam amanhã (10), no Globoplay. Além disso, o primeiro episódio será exibido na TV Globo no domingo, dia 12, logo após o “Tamanho Família”. Incrível, hein? Enquanto aguardamos, vem assistir ao trailer aqui:

Passada essa onda de emoção, as surpresas não acabaram! De acordo com Júnior, no próximo dia 17, um álbum da turnê será lançado nas plataformas digitais, assim como o DVD – no Globoplay – que exibirá uma das apresentações da “Nossa História”. O artista também prometeu produtos físicos, como CDs desse reencontro do ano passado, mas ainda não deu um prazo.

Questionados se cogitariam fazer algo pontual tão grandioso como foram esses últimos meses, Sandy e Junior responderam com sinceridade, sem deixar de reconhecer a importância dessa fase para os fãs. “Acho muito difícil que a gente faça isso de novo. Foi muito interessante, muito importante, muito lindo o que a gente viveu, do jeito que eu nunca imaginava”, comentou Sandy. Os irmão reconheceram: “Consome bastante do tempo e da energia assim”.

Segundo Junior, em breve eles vão “encerrar os compromissos como Sandy e Junior”. Mas jamais esquecendo todo esse legado que eles construíram em suas carreiras. “Confirmei pra mim mesmo o quanto eu amo fazer isso, o quanto eu gosto disso”, avaliou Sandy. Agora, com muita saudades e orgulho, acompanharemos os dois seguindo suas lindas trajetórias…