Jonathan

Bridgerton: Jonathan Bailey explica diminuição das cenas de sexo na segunda temporada; vem entender

A diferença entre a primeira e segunda fase da série ficou nítida para os fãs, com bem menos cenas íntimas

Alguns fãs de “Bridgerton” podem ter estranhado a falta de cenas de sexo na segunda temporada da série, mas Jonathan Bailey, intérprete de Anthony Bridgerton, concorda com a direção tomada pela equipe da produção. O astro da nova leva de episódios defendeu, em entrevista recente ao USA Today, que a decisão ajudou a criar uma profundidade maior entre os protagonistas.

A primeira temporada do seriado produzido por Shonda Rhimes contou com cenas de tirar o fôlego entre Daphne (Phoebe Dynevor) e Simon (Regé Jean-Page). Nessa nova fase, entretanto, as sequências de sexo foram diminuídas consideravelmente, algo que foi notado pelo público.

O que você perde em cenas de sexo, você ganha em um entendimento humano mais profundo, o que, esperançosamente, enriquece aquele universo para que as futuras cenas de intimidade não sejam um recurso pesado, e você não tenha que se apoiar tanto nelas. É bom surpreender o público e mantê-los atentos um pouco“, afirmou Bailey.

Continua depois da Publicidade

O ator opinou, ainda, que esse pensamento faz sentido para a longevidade da produção: “Bridgerton” é baseada na série de livros de Julia Quinn, que totaliza 8 romances. Na temporada que estreou na última sexta-feira (1º), o foco é a história de amor entre o visconde Anthony e Kate Sharma (Simone Ashley).

3a Temporada De Bridgerton Como Os Livros Continuam A Historia
Anthony e Kate não protagonizaram muitas cenas de sexo durante a segunda temporada. (Foto: Reprodução/ Netflix)

Teria sido errado Kate e Anthony se envolverem fisicamente mais cedo do que aconteceu. E acho que a recompensa é realmente merecida“, completou o artista. Chris Van Dusen, criador da série, também explicou: “Nós nunca fazemos uma cena de sexo apenas por fazer, e nunca faremos. Todas as cenas de intimidade têm um propósito maior. Isso era verdade na primeira temporada, e é definitivamente real pra segunda“.

Apesar de Bailey não continuar como protagonista das próximas temporadas – já que cada uma explora a história de um irmão da família -, o ator não tem planos de deixar a produção tão cedo. Diferente de Regé, que não voltou nessa nova fase, o intérprete do Bridgerton primogênito afirmou: “Não perderei nenhum casamento. Vamos colocar assim, enquanto for preciso, eu estarei por lá“. Ufa!