Fotojet (16)

Grammy 2022: Jon Batiste, Silk Sonic e Olivia Rodrigo são os grandes vencedores da noite; Marília Mendonça é relembrada — confira a lista

Premiação aconteceu neste domingo e ainda contou com shows de BTS, Lady Gaga, Lil Nas X, J Balvin, Billie Eilish, John Legend e mais

Nada melhor do que fechar a noite com muita música boa! Neste domingo (3), aconteceu a 64ª edição do Grammy, evento que celebra os maiores nomes da indústria musical da última temporada. Além de performances incríveis, tivemos, é claro, muitos prêmios sendo entregues! O grande vencedor da vez foi Jon Batiste, levando cinco das onze estatuetas a que concorria, incluindo as de “Álbum do Ano”, por “We Are” e “Melhor Clipe”, por “Freedom”! Deu o nome!

Na sequência, temos o duo Silk Sonic, formado por Bruno Mars e Anderson .Paak, com 100% de aproveitamento! Os artistas ganharam os quatro troféus aos quais concorriam: “Gravação do Ano”, “Música do Ano”, “Melhor Performance R&B” e “Melhor Música R&B”, todas por “Leave the Door Open”. Olivia Rodrigo também se destacou e levou para casa os prêmios de “Artista Revelação”, “Melhor Performance Solo Pop” e “Melhor Álbum Pop”, por “Sour”.

Fotojet (16)
Merecido, né?! (Foto: Getty)

Performances

Silk Sonic

Além da entrega de prêmios, tivemos performances, claro! Quem abriu a noite com chave de ouro foram os meninos do Silk Sonic! Seguindo a vibe nostálgica, tema que acompanhou os hits e estética do grupo desde o seu lançamento, os artistas entregaram vocais poderosos em uma performance de “777”, canção que faz menção à Las Vegas. Eles contaram, também, com uma banda completa, e finalizaram o show com um trechinho do hit “Get On Up”, de James Brown. A performance ganhou ainda o toque especial do brasileiro Mateus Asato, guitarrista e colaborador de longa data de Bruno, que conheceu em 2019. Foi tudo!

Olivia Rodrigo

Olivia Rodrigo finalmente fez sua estreia no palco do “Grammy”! Para a performance, a cantora apostou no hit global “drivers license”. Aos 19 anos, ela entregou vocais poderosos, mostrou a expertise de uma artista com anos de carreira e, é claro, também ofereceu MUITO drama! Com um look “princesa punk”, a artista subiu ao palco em uma atmosfera melancólica e cantou sobre seu coração partido com muita intensidade e emoção!

J Balvin

Música latina em alta! O colombiano se apresentou no palco da cerimônia com uma de suas músicas mais bem-sucedidas, “Qué Más Pues?”, parceria gravada com a cantora argentina Maria Becerra, que também fez parte da performance. Na sequência, ele emendou com a ótima “In Da Guetto”. Os dois hinos fazem parte do álbum mais recente de Balvin, o “Jose”, divulgado em setembro do ano passado.

BTS

Sem surpreender ninguém, o BTS entregou uma apresentação impecável no Grammy desta domingo (3). O grupo dançou muito e caprichou nos vocais do hit “Butter”. Para a performance, os sete usaram ternos escuros e até atuaram um pouco durante o verdadeiro espetáculo no palco da premiação. O número musical, claro, foi recheado de coreografias elaboradas. No maior estilo “filme de espionagem”, o cenário tinha computadores e alarmes a laser, igual vemos no cinema. 007 e Tom Cruise, temos visitas!


Lil Nas X

Sempre acompanhado de um grande corpo de balé, Lil Nas X abriu a apresentação com “Dead Right Now” em um cenário minimalista e brilhante. Na sequência, o palco virou o mundo paradisíaco criado pelo astro na capa do álbum, incluindo uma escultura gigante de seu rosto. Neste momento, o rapper colocou o tanquinho para jogo em um segundo look, e cantou o hit “Montero (Call Me By Your Name)”. Para fechar, Jack Harlow se juntou a ele para cantar “Industry Baby”, e ambos encerraram com uma sequência de coreografia de tirar o fôlego!

Billie Eilish

Ela sempre dá o nome! Billie Eilish subiu ao palco do “Grammy” para apresentar o hit “Happier Than Ever” ao lado de seu irmão, Finneas O’Connell. Com uma mega produção, a cantora transitou entre cenários com água e decoração invertida para marcar a forte mudança sonora da canção. O show foi tão épico, que ela fez chover! Não bastasse isso, a artista ainda fez uma homenagem para Taylor Hawkins, baterista do Foo Fighters, que faleceu na semana passada, ao usar uma camiseta com o rosto do baterista estampado.

John Legend

Emocionante! John Legend fez uma performance intensa e importante no evento, pedindo pelo fim dos conflitos entre Ucrânia e Rússia. Logo após um depoimento do presidente ucraniano, Volodymyr Zelensky, o cantor entrou com o piano para apresentar sua nova canção, “Free”. Para o momento, ele contou com a participação especial de três cidadãs ucranianas, as artistas Siuzanna Iglidan e Mika Newton, e a poeta Lyuba Yakimchuk.

Lady Gaga

Depois de muita expectativa, Lady Gaga retornou ao palco do “Grammy”, com os hinos “Love for Sale” e “Do I Love You”, suas parcerias com Tony Bennett, lenda do Jazz. Juntos, os dois gravaram o álbum “Love For Sale”, com 12 faixas que homenageiam Cole Porter. Apesar de Bennett não ter comparecido à premiação, Gaga fez uma dedicatória tocante e muito sensível ao seu grande amigo e companheiro dos palcos.

Justin Bieber, Giveon e Daniel Caesar

Justin Bieber não poderia deixar de fazer uma performance daquelas durante a premiação, né?! O artista deu início à apresentação de “Peaches” de uma forma inédita, com um tom mais melancólico ao piano. Na sequência, Giveon e Daniel Caesar se juntaram a ele no palco e os dois terminaram de cantar o hino em sua versão original e mais acelerada, colocando todo mundo para dançar.

Jon Batiste

Grande vencedor da noite, Jon Batiste deu início a apresentação do hit “Freedom” no piano e, logo em seguida, partiu para um cenário colorido e lúdico. Acompanhado de diversos dançarinos, ele caiu na dança e entregou uma performance digna de “Grammy”, terminando em cima da mesa onde estavam sentados Billie Eilish e Finneas! Foi tudo!

H.E.R

Essa não brinca em serviço! Quando o assunto é voz, H.E.R nunca decepciona! A cantora entregou tudo ao apresentar o hit “Damage” e até se arriscou num solo de bateria! Perfeita! Na sequência, Travis Barker assumiu o instrumento e Lenny Kravitz também subiu ao palco. O trio, então, deu show e se apresentou ao som de “Are You Gonna Go My Way”.

Brandi Carlile

Os vocais de milhões! Brandi começou a apresentação de “Right On Time” sozinha no palco, enquanto tocava piano. Em seguida, se juntou a uma banda poderosa, em frente a um painel de luzes que incorporou as cores da bandeira LGBTQIA+. Deu um baita show e, merecidamente, foi aplaudida de pé pelos presentes!

NAS

O ídolo de seus ídolos! Nas deu um baita show no palco do “Grammy” e revisitou diversos hinos de sua carreira! O mashup de sucessos começou com “I Can”, passando por “Made You Look”, “One Mic” e se encerrando com “Rare”, canção que apesar de já ter seus 20 anos, segue muito atual e adorada! Botou o público pra dançar!

Chris Stapleton

Chris Stapleton, que voz é essa, homem?! O cantor criou um climinha intimista no palco e, acompanhado de um time de cordas, entoou a canção “Cold”, que inclusive levou o gramofone de “Melhor Música Country” durante a noite! Não é à toa, né? Sonzão!

Carrie Underwood

Vencedora do gramofone de “Melhor Álbum Gospel”, Carrie Underwood performou pela primeira vez ao vivo a canção “Ghost Story”, seu novo single. A apresentação foi bastante lúdica e terminou com a cantora “flutuando” sobre o palco.

In Memoriam

Ben Platt, Cynthia Erivo, Leslie Odom Jr. e Rachel Zagler se juntaram no palco da premiação para homenagear os grandes artistas que partiram neste ano. Enquanto cantavam “Not a Day Goes By”, imagens de músicos como Marília Mendonça, Taylor Hawkins e Tom Parker eram exibidas no telão.

Continua depois da Publicidade

E quem foram os demais vencedores do Grammy 2022?

Gravação do ano

I Still Have Faith In You – ABBA
Freedom – Jon Batiste
I Get A Kick Out Of You – Tony Bennett & Lady Gaga
Peaches – Justin Bieber Featuring Daniel Caesar & Giveon
Right On Time – Brandi Carlile
Kiss Me More – Doja Cat Featuring SZA
Happier Than Ever – Billie Eilish
Montero (Call Me By Your Name) – Lil Nas X
drivers license – Olivia Rodrigo
Leave The Door Open – Silk Sonic – VENCEDORA

Álbum do ano

We Are – Jon Batiste – VENCEDOR
Love For Sale – Tony Bennett & Lady Gaga
Justice (Triple Chucks Deluxe) – Justin Bieber
Planet Her (Deluxe) – Doja Cat
Happier Than Ever – Billie Eilish
Back Of My Mind – H.E.R.
Montero – Lil Nas X
Sour – Olivia Rodrigo
Evermore – Taylor Swift
Donda – Kanye West

Música (Composição) do ano 

Bad Habits – Ed Sheeran
A Beautiful Noise – Alicia Keys & Brandi Carlile
drivers license – Olivia Rodrigo
Fight For You – H.E.R.
Happier Than Ever – Billie Eilish
Kiss Me More – Doja Cat Featuring SZA
Leave The Door Open – Silk Sonic – VENCEDORA
Montero (Call Me By Your Name) – Lil Nas X
Peaches – Justin Bieber Featuring Daniel Caesar & Giveon
Right On Time – Brandi Carlile

Melhor clipe

“Shot in the Dark” – AC/DC
“Freedom” – Jon Batiste – VENCEDOR
“I Get a Kick Out of You” – Tony Bennett and Lady Gaga
“Peaches” – Justin Bieber featuring Daniel Caesar
“Happier Than Ever” – Billie Eilish
“Montero (Call Me by Your Name)” – Lil Nas X
“Good 4 U” – Olivia Rodrigo

Continua depois da Publicidade

Artista revelação

Arooj Aftab
Jimmie Allen
Baby Keem
FINNEAS
Glass Animals
Japanese Breakfast
The Kid LAROI
Arlo Parks
Olivia Rodrigo – VENCEDORA
Saweetie

Melhor performance de pop solo

Anyone – Justin Bieber
Right On Time – Brandi Carlile
Happier Than Ever – Billie Eilish
Positions – Ariana Grande
drivers license – Olivia Rodrigo – VENCEDORA

Melhor performance de pop em grupo

I Get A Kick Out Of You – Tony Bennett & Lady Gaga
Lonely – Justin Bieber & benny blanco
Butter – BTS
Higher Power – Coldplay
Kiss Me More – Doja Cat Featuring SZA – VENCEDORAS

Melhor álbum pop

Justice (Triple Chucks Deluxe) – Justin Bieber
Planet Her (Deluxe) – Doja Cat
Happier Than Ever – Billie Eilish
Positions – Ariana Grande
Sour – Olivia Rodrigo – VENCEDOR

Continua depois da Publicidade

Melhor álbum vocal tradicional de pop

Love For Sale – Tony Bennett & Lady Gaga – VENCEDOR
Til We Meet Again (Live) – Norah Jones
A Tori Kelly Christmas – Tori Kelly
Ledisi Sings Nina – Ledisi
That’s Life – Willie Nelson
A Holly Dolly Christmas – Dolly Parton

Melhor performance de rock

Shot In The Dark – AC/DC
Know You Better (Live From Capitol Studio A) – Black Pumas
Nothing Compares 2 U – Chris Cornell
Ohms – Deftones
Making A Fire – Foo Fighters – VENCEDORES

Melhor música de rock

All My Favorite Songs – Weezer
The Bandit – Kings Of Leon
Distance – Mammoth WVH
Find My Way – Paul McCartney
Waiting On A War – Foo Fighters – VENCEDORA

Melhor álbum de rock

Power Up – AC/DC
Capitol Cuts – Live From Studio A – Black Pumas
No One Sings Like You Anymore Vol. 1 – Chris Cornell
Medicine At Midnight – Foo Fighters – VENCEDOR
McCartney III – Paul McCartney

Continua depois da Publicidade

Melhor gravação dance/eletrônica

Hero – Afrojack e David Guetta
Loom – Olafur Arnalds e Bonobo
Before – James Blake
Heartreak – Bonoro e Totally Extinct Dinossaurs
You can do it – Caribou
Alive – Rufus du Sol – VENCEDORA
The Business – Tiesto

Melhor álbum de dance/eletrônica

Subconsciously — Black Coffee – VENCEDOR
Fallen Embers — Illenium
Music Is the Weapon (Reloaded) — Major Lazer
Shockwave — Marshmello
Free Love — Sylvan Esso
Judgement — Ten City

Melhor álbum alternativo

Shore – Fleet Foxes
If I Can’t Have Love, I Want Power – Halsey
Jubilee – Japanese Breakfast
Collapsed In Sunbeams – Arlo Parks
Daddy’s Home – St. Vincent – VENCEDOR

Continua depois da Publicidade

Melhor performance R&B

Lost You – Snoh Aalegra
Peaches – Justin Bieber Featuring Daniel Caesar & Giveon
Damage – H.E.R.
Leave The Door Open – Silk Sonic – VENCEDORES
Pick Up Your Feelings – Jazmine Sullivan – VENCEDORA

Melhor performance de R&B tradicional

I Need You – Jon Batiste
Bring It On Home To Me – BJ The Chicago Kid, PJ Morton & Kenyon Dixon Featuring Charlie Bereal
Born Again – Leon Bridges Featuring Robert Glasper
Fight For You – H.E.R. – VENCEDORA
How Much Can A Heart Take – Lucky Daye Featuring Yebba

Melhor música R&B

Damage – H.E.R.
Good Days – SZA
Heartbreak Anniversary – Giveon
Leave The Door Open – Silk Sonic – VENCEDORA
Pick Up Your Feelings – Jazmine Sullivan

Melhor álbum de R&B

Temporary Highs In The Violet Skies – Snoh Aalegra
We Are – Jon Batiste
Gold-Diggers Sound – Leon Bridges
Back Of My Mind – H.E.R.
Heaux Tales – Jazmine Sullivan – VENCEDORA

Continua depois da Publicidade

Melhor álbum de rap

The Off-Season – J. Cole
Certified Lover Boy – Drake
King’s Disease II – Nas
Call Me If You Get Lost – Tyler, the Creator – VENCEDOR
Donda – Kanye West

Melhor música de rap

“Bath Salts” – DMX featuring JAY-Z and Nas
“Best Friend” – Saweetie featuring Doja Cat
“Family Ties” – Baby Keem featuring Kendrick Lamar
“Jail” – Kanye West featuring JAY-Z – VENCEDORES
“M Y .L I F E” – J. Cole featuring 21 Savage and Morray

Melhor performance de rap

“Family Ties” – Baby Keem featuring Kendrick Lamar – VENCEDORES
“Up” – Cardi B
“M Y .L I F E” – J. Cole featuring 21 Savage and Morray
“Way 2 Sexy” – Drake featuring Future and Young Thug
“Thot Shit” – Megan Thee Stallion

Melhor performance de rap melódico

“P R I D E. I S. T H E. DEVIL” – J. Cole featuring Lil Baby
“Need to Know” – Doja Cat
“Industry Baby” – Lil Nas X featuring Jack Harlow
“WUSYANAM” – Tyler, the Creator featuring YoungBoy Never Broke Again and Ty Dolla $ign
“Hurricane” – Kanye West featuring The Weekend and Lil Baby – VENCEDORES

Continua depois da Publicidade

Melhor Álbum de pop latino

“Vértigo” – Pablo Alborán
“Mis Amores” – Paula Arenas
“Hecho a la Antigua” – Ricardo Arjona
“Mis Manos” – Camilo
“Mendó” – Alex Cuba – VENCEDOR
“Revelación” – Selena Gomez

Melhor álbum de música urbana

Afrodisíaco – Rauw Alejandro
El Último Tour Del Mundo – Bad Bunny – VENCEDOR
Jose – J Balvin
KG0516 – Karol G
Mendó – Alex Cuba
Sin Miedo (Del Amor y Otros Demonios) 8 – Kali Uchis

Melhor álbum country

Skeletons — Brothers Osborne
Remember Her Name — Mickey Guyton
The Marfa Tapes — Miranda Lambert, Jon Randall, and Jack Ingram
The Ballad of Dood & Juanita — Sturgill Simpson
Starting Over — Christ Stapleton – VENCEDOR

Melhor música country

“Better Than We Found It” — Maren Morris
“Camera Roll” — Kacey Musgraves
“Cold” — Chris Stapleton – VENCEDORA
“Country Again” — Thomas Rhett
“Fancy Like” — Walker Hayes
“Remember Her Name” — Mickey Guyton

Continua depois da Publicidade

Melhor álbum falado

Aftermath – LeVar Burton
Carry On: Reflections For A New Generation From John Lewis – Don Cheadle – VENCEDOR
Catching Dreams: Live At Fort Knox Chicago – J. Ivy
8:46 – Dave Chappelle & Amir Sulaiman
A Promised Land – Barack Obama

Melhor álbum imersivo

Alicia – Alicia Keys – VENCEDOR
Clique – Patricia Barber
Fine Line – Harry Styles
The Future Bites – Steven Wilson
Stille Grender – Anne Karin Sundal-Ask & Det Norske Jentekor

Melhor filme musical

Insidie — Bo Burnham
David Byrne’s American Utopia — David Byrne
Happier Than Ever: A Love Letter to Los Angeles — Billie Eilish
Music, Money, Madness… Jimi Hendrix in Maui — Jimi Hendrix
Summer of Soul — Vários – VENCEDOR

Melhor trilha sonora

Bridgerton — Kris Bowers
Dune — Hans Zimmer
The Mandalorian: Season 2 — Vol. 2 (Chapters 13-16) — Ludwig Göransson
The Queen’s Gambit — Carlos Rafael Rivera – VENCEDOR
Soul — Jon Batiste, Trent Reznor, and Atticus Ross – VENCEDOR