Gustavo Mendes revela ameaça de morte após crítica a Bolsonaro; Humorista denuncia caso na polícia, e autor das mensagens dá desculpa esfarrapada; assista

Absurdo! Nessa segunda-feira (21), o ator e humorista Gustavo Mendes compartilhou em suas redes sociais mensagens que recebeu de um usuário chamado Walison Caputo Ribeiro, em que era xingado e ameaçado. O caso logo repercutiu e o autor das ofensas se pronunciou, admitindo o erro.

Em seu Instagram, Gustavo compartilhou várias fotos de Walison, que seria um policial militar reformado, assim como o perfil dele no Facebook e prints das mensagens que recebeu na rede social. “Preciso que vocês conheçam esse cara, Walison Caputo Ribeiro. Esse cidadão – não sei se é fake ou não – está me ameaçando de morte. Se alguém tiver informações sobre esse sujeito, agradeço. Temo por minha vida e de minha família”, legendou o comediante.

Em seguida, ele transcreveu as mensagens de ódio que recebeu do indivíduo. Aparentemente, Walison teria se irritado após Gustavo fazer uma crítica ao presidente Jair Bolsonaro. “Como você é um Lixo! Quem é você para falar do presidente? Diz que duvida, quero ver! Eu vou atrás de você! Espero um dia encontrar você. E com certeza você vai engolir tudo que você fala, seu vagabundo nojento”, ameaçou Ribeiro.

Continua depois da Publicidade

As mensagens prosseguiram com o mesmo tom. “Eu não vou descansar enquanto não te encontrar. Quero ver você fazer piada com isso que eu estou te falando”, escreveu o homem, dando a entender que sabia que estava falando com um humorista. Na sequência, Walison novamente pareceu ter olhado bem o perfil de Gustavo, já que citou sua “agenda de shows”.

“Seu nerd, quero ver se você é homem pra falar frente a frente. Não treme não, porque eu estou disposto a tudo. Ah! Seguram e não me param ok? Viado lixo, escroto. Estou de olho na sua agenda de shows, vou te encontrar ainda”, continuou disparando o homem. Em sua publicação, Gustavo aproveitou para marcar os perfis da polícia de São Paulo e da Polícia Federal.

View this post on Instagram

Preciso que vocês conheçam esse cara, Walison Caputo Ribeiro (@ribeirowalisoncaputo ) Esse cidadão – não sei se é fake ou não – está me ameaçando de morte. Se alguém tiver informações sobre esse sujeito, agradeço. Temo por minha vida e de minha família. A seguir, vou transcrever o que ele me mandou por mensagem direta: “Como você é um Lixo! Quem é você pra falar do presidente? Quem é você pra falar do presidente? Diz que dúvida quero ver! Eu vou atrás de você! Espero um dia encontrar você e com certeza você vai engolir tudo que Você fala seu vagabundo nojento. Eu não vou descansar enquanto não te encontrar. Quero ver você fazer piada com isso que eu tô te falando. Seu nerds,quero ver se você é homem pra falar frente a frente. Não treme não por que eu estou disposto a tudo. Ah! Seguram a não me param ok? Viado lixo, escroto. Estou de olho na sua agenda de shows, vou te encontrar ainda.” @policiafederal @policiamilitarsp_oficial

A post shared by Gustavo Mendes (@gustavomendestv) on

Através do Instagram Stories, o artista, que ficou conhecido nacionalmente por imitar a ex-presidente Dilma Rousseff, continuou seu desabafo, pedindo ajuda da polícia militar de Minas Gerais. “O covarde é policial militar, ao que consta, reformado. São caras como ele que sujam o nome dessa instituição”, declarou.

Continua depois da Publicidade

“Mas eu, como bom mineiro, e ele, um policial militar mineiro, tenho certeza que a polícia militar de Minas Gerais tomará providências pela corregedoria da polícia”, completou o ator, acrescentando que tomaria medidas legais sobre o caso. “B.O. feito, entrarei com processo. Há vários crimes, além das ameaças, ele é racista e homofóbico. Nenhum covarde da rede passará impune”, afirmou.

Gustavo ainda deu mais detalhes sobre o caso nos Stories (Foto: Reprodução/Instagram)

Após a repercussão das mensagens ofensivas recebidas por Gustavo, Walison Ribeiro apagou todas as publicações que tinha em seu perfil no Instagram, postando apenas um vídeo em que reconhecia o erro e pedia desculpas. Na gravação, o homem ainda tentou defender suas ações, afirmando achar que estava discutindo com um perfil “fake” – mesmo que o ator tenha mais de 685 mil seguidores e seja verificado na rede social.

“Sei que o pessoal deve estar put* da vida comigo e dou razão. Mas sobre o episódio que aconteceu sobre as mensagens enviadas por mim para o ator e humorista Gustavo Mendes, infelizmente aconteceram”, admitiu. “Gostaria de deixar claro o seguinte: direcionei as mensagens a ele de uma forma errada. Pensei realmente se tratar de um perfil fake, como o qual, em outras ocasiões, já tive umas conversas meio acaloradas”, tentou justificar.

Continua depois da Publicidade

“Enviei sem ver, infelizmente. Só fui acreditar quando me ligaram da minha terra natal e disseram o que tinha ocorrido. Porque eu tive uma conversa e ele respondeu… Infelizmente é isso. Errei. Errei, sim”, concluiu o suposto policial reformado. Assista:

View this post on Instagram

Desculpas públicas ao ator Gustavo Mendes e fãs.

A post shared by Walison Caputo Ribeiro (@ribeirowalisoncaputo) on

Agora, o episódio segue na Justiça. Após o boletim de ocorrência registrado por Gustavo, a polícia civil de Minas Gerais já iniciou as diligências para apuração do caso, incluindo a preservação de todos os dados.