Chris Rock Will Smith

Chris Rock fala sobre tapa de Will Smith e faz comparação polêmica: ‘Aquela merd* doeu’

Caso aconteceu na última premiação do Oscar, em março deste ano

Quatro meses após a cerimônia do Oscar, Chris Rock voltou a falar sobre o tapão que recebeu de Will Smith. O assunto foi tema de piada durante um de seus shows de comédia, que aconteceu em Nova Jersey no domingo (24).

Quem diz que palavras ferem nunca levou um soco na cara“, brincou o artista. Segundo uma pessoa que estava na plateia, Rock ainda se referiu ao ator como “Suge Smith” – em alusão ao CEO da Death Row Records, Suge Knight, atualmente preso por homicídio.

Mais tarde, na mesma apresentação, Chris voltou a abordar a polêmica da premiação. “Não sou uma vítima, filho da p*ta. Sim, aquela m*rda doeu, p*rra. Mas eu deixei aquela m*rda para lá e fui trabalhar no dia seguinte… Não vou para o hospital por causa de um corte de papel“, disparou.

Essa não é a primeira vez que o criador de “Todo Mundo Odeia o Chris” fala sobre o caso. No dia 2 de abril – menos de uma semana após o ocorrido -, Rock já havia comentado sobre o tapa durante uma de suas apresentações. No mês seguinte, ele avisou aos membros de sua plateia que já havia recuperado “a maior parte” de sua audição. “Não espere que eu fale sobre esse assunto aqui. Falarei sobre isso em algum momento – na Netflix. Seus ingressos foram caros, mas não tão caros assim“, debochou.

Continua depois da Publicidade

Jada Pinkett-Smith, esposa de Will, também já se pronunciou sobre o momento. A atriz revelou que deseja que os dois se reconciliem. “Sobre a noite do Oscar. Minha maior esperança é que esses dois homens inteligentes e capazes tenham a oportunidade de se curar, conversar sobre isso e se reconciliar“, disse durante a abertura do programa “Red Table Talk” do dia 1º de junho.

Relembre o tapa

Durante a entrega do Oscar, em março deste ano, Will Smith subiu ao palco para confrontar Chris Rock sobre uma de suas piadas. Na ocasião, o apresentador fez uma comparação entre Jada e a personagem de Demi Moore no filme “Até o Limite da Honra”. Moore raspou o cabelo para participar da produção. Will, por sua vez, não gostou do tom da brincadeira, já que sua mulher sofre de alopecia.

Desde então, Smith pediu desculpas pela atitude. “Piadas sobre mim são parte do trabalho, mas uma piada sobre a condição médica de Jada foi demais para mim, e eu reagi emocionalmente“, ponderou. “Quero voltar a colocar o foco naqueles que merecem atenção pelas suas realizações e permitir que a Academia volte ao incrível trabalho que faz para apoiar a criatividade e a arte no cinema. A mudança leva tempo, e estou empenhado em fazer um trabalho para garantir que nunca mais permita que a violência ultrapasse a razão“, continuou.

Ele foi banido da Academia por dez anos e, em abril, chegou a se internar em uma clínica de reabilitação para lidar com a situação. “Ele fará muita busca em sua alma e trabalhará para descobrir como pode seguir em frente“, informou uma testemunha para o “The Sun” na época.

Siga o Hugo Gloss no Google News e acompanhe nossas notícias!