Drake Bell

Drake Bell, da série “Drake e Josh”, é condenado por crime envolvendo menor de idade; vítima o chama de “pedófilo” e “monstro”

O ator e cantor Drake Bell, estrela da série “Drake e Josh”, foi condenado após ser acusado de disseminar conteúdo prejudicial a jovens, em conversas inapropriadas com uma menor de idade. O TMZ divulgou os detalhes da audiência, realizada nesta segunda-feira (12), na qual ficou decidido que Bell cumprirá pena por dois anos em liberdade condicional. O site ainda teve acesso ao depoimento da vítima, que afirmou ter sofrido “danos irreparáveis”.

A audiência foi realizada via Zoom, aplicativo de chamada de vídeo, e o juiz responsável pelo caso concluiu que Bell se aproveitou da vítima. “Sua posição e status de celebridade permitiram que você nutrisse essa relação. Você conseguiu ter acesso a essa criança e conseguiu ganhar a confiança dela. Espero que você esteja arrependido, eu não sei [se você está]”, disse. A liberdade condicional do cantor será supervisionada na Califórnia, cidade onde ele vive. Além disso, Drake terá que cumprir 200 horas de serviço comunitário e está proibido de entrar em contato com a vítima.

Drake já tinha se declarado culpado pelos crimes e aceitou a sentença, ao mesmo tempo em que pediu desculpa pelo ocorrido, explicando que não era sua intenção fazer mal a ninguém: “Aceito esse apelo porque minha conduta estava errada”. Ele lamentou por ter magoado a menina e quem mais tivesse se sentido atingido pelas suas atitudes. Assista ao momento, clicando aqui.

Drake Bell e seu colega de elenco, Josh Peck, na série "Drake e Josh" (Foto: Getty Images)
Drake Bell e seu colega de elenco, Josh Peck, na série “Drake e Josh” (Foto: Getty Images)

De acordo com a revista People, em sua declaração, a vítima afirmou que os dois começaram a trocar mensagens online em 2017, quando ela tinha 15 anos. Os textos, segundo ela, acabaram se “tornando sexuais” e incluíam algumas fotografias. A menina contou ter assistido a um show do cantor, que depois a levou para os bastidores, para que eles “ficassem sozinhos”. Ainda, ela afirmou que ataques de pânico e pesadelos são frequentes após as agressões sexuais que alega ter sofrido.

“A única vez em que o réu compareceu ao tribunal pessoalmente foi em 3 de junho para sua acusação, antes que a mídia descobrisse sobre o caso. Ele apareceu no tribunal hoje por chamada de vídeo em vez de aparecer pessoalmente. Isso não me surpreende e mostra o covarde que ele é, mas eu não. Ele se aproveitou e abusou sexualmente de mim. Ele é um monstro e um perigo para as crianças. Jared Drake Bell é um pedófilo e esse é o seu legado”, descreveu a menina. Segundo o TMZ, Drake, que foi condenado somente pela troca de mensagens íntimas, chegou a “balançar a cabeça” durante o depoimento da vítima.

Continua depois da Publicidade

Entenda o caso

Em 21 de maio deste ano, Drake foi levado sob custódia pela polícia de Cleveland, após se envolver em uma troca de mensagens de natureza sexual com uma adolescente de 15 anos e por divulgar material impróprio para menores. Inicialmente, ele alegou que era inocente e foi liberado sob fiança. O episódio em questão teria acontecido em 1º de dezembro de 2017  — data em que ele faria uma apresentação em um clube na cidade de Cleveland. Posteriormente, a vítima registrou um boletim de ocorrência no Canadá e as autoridades contataram a polícia local.

Drake Bell Preso1
Drake Bell foi fichado no presídio do condado de Cuyahoga. (Foto: Cuyahoga County Sheriff’s Office)