Wullll

Will Smith revela que já pegou empréstimo com traficante, e explica o motivo

Perigo?! Will Smith nunca nem viu! Kkkk Nos últimos tempos, o ator tem surpreendido o público com revelações sobre seu passado. Nesta segunda-feira (22), o astro se encontrou com Idris Elba na turnê para promover sua autobiografia homônima, e revelou que já pegou dinheiro emprestado com traficantes para pagar sua dívida de impostos com o governo norte-americano.

Will explicou que o caso aconteceu antes da série “Um Maluco no Pedaço”, quando ele estava passando por dificuldades financeiras. “Não tenho certeza de como é o governo com impostos no Reino Unido, mas nos EUA eles levam isso a sério. Então o tio Sam queria o dinheiro dele. Eu não esqueci — eu simplesmente não paguei”, brincou. O ator então decidiu vender tudo que tinha, e concluiu que seu destino estaria em Los Angeles. Só que, mesmo com as vendas, ele ainda precisava de mais dinheiro para pagar suas dívidas e poder viajar. Foi aí que ele teve a ideia um tanto quanto corajosa…

“Então, eu peguei emprestado US$10 mil (R$ 55,8 mil) de um amigo meu que era fornecedor de produtos farmacêuticos de bairro”, debochou Smith, arrancando risadas da plateia ao fazer um eufemismo para o traficante de drogas. “Peguei US$ 10 mil emprestados e me mudei para Los Angeles, estávamos fazendo shows e eu estava tentando juntar algum dinheiro. Em Detroit, conheci um cara chamado Benny Medina”, contou o ator, relembrando o encontro com o famoso caçador de talentos que mudou sua vida.

"will: An Evening Of Stories With Friends" Show
Will Smith arrancou risadas do público ao contar curiosidade sobre início da sua carreira. Foto: Getty

No início do mês, durante sua passagem por Nova Iorque para promover a obra, Will Smith se emocionou ao falar da sua relação conturbada com o pai, Willard Christopher Smith. O ator chegou a admitir em um dos capítulos  do livro ter pensado matá-lo por vingança. Mas, no bate-papo com Spike Lee, Will contou que após o patriarca ter descoberto um câncer agressivo e ganhar uma estimativa de vida de seis semanas, eles tiveram a oportunidade de “acertar os ponteiros”.

Continua depois da Publicidade

“Nós nos sintonizamos de uma maneira que nunca tínhamos feito. Ele ganhou dos médicos seis semanas, mas acabou vivendo por três meses. […] Temos relacionamentos que, você sabe, não são os melhores… há pessoas que gostaríamos que tivessem feito melhor para nós, gostaríamos de ter nos amado mais… Eu só diria: Basta ligar para eles. Você quer poder dizer que tentou. A morte é tão definitiva. Eu juro que você não quer ficar com isso. Meu pai e eu tivemos tempo para conversar sobre tudo. Tivemos semanas e semanas, cada conversa foi rica e poderosa, e limpamos tudo. Algumas pessoas não têm tempo”, aconselhou.