Demi Lovato revela como se sentiu após ser “cancelada” por conta de fake news envolvendo Selena Gomez: “Já fui tantas vezes”

Lindíssima, falou tudo! Recentemente, Demi Lovato foi alvo de mais um “cancelamento” na web por conta de uma história bem controversa e suspeita, em que ela seria dona de um perfil fake no Instagram e teria feito alguns posts atacando Selena Gomez. Nesta sexta-feira (24), ela se pronunciou sobre como recebeu os ataques dos haters e aproveitou para se posicionar a respeito dessa postura agressiva, cada vez mais comum na internet.

A estrela participou do podcast “I Weigh”, apresentado pela atriz Jameela Jamil, e respondeu como se sentiu ao ver a hashtag #DemiLovatoIsOverParty (algo como “Festa da Demi Lovato cancelada”) nos assuntos mais comentados do Twitter, a enxurrada de acusações e comentários maldosos em seus perfis nas redes sociais. “Já fui cancelada tantas vezes que nem consigo contar… A hashtag e essa coisa toda. Isso nem me afeta mais”, afirmou.

A cantora emendou com uma análise bem sincera sobre como funciona o ‘cancelamento’ fora do meio online. “Primeiro, não é real. Não acho que alguém tenha sido oficialmente cancelado, caso contrário, algumas pessoas não teriam Grammys hoje, não teriam Oscars, certas pessoas não estariam onde estão e em suas posições”, alfinetou. “Onde está a cultura do perdão?”, questionou.

Demi Lovato (Foto: Getty)

“Sim, até certo ponto — existem algumas pessoas que já usaram sua segunda e terceira chances com um determinado tópico, então você é cancelado e deve permanecer cancelado”, ponderou. “Mas se você errar, se desculpar, se apresentar e dizer que aprendeu com isso, deixe que seja um exemplo para outras pessoas para que elas também possam mudar”, refletiu.

Demi finalizou reforçando que as pessoas precisam refletir sobre as atitudes radicais. “A cultura do cancelamento não funcionará, a menos que as pessoas tenham algum tipo de misericórdia. Você tem que ser capaz de fazer isso. Eu acho que se você é alguém que se recusa a aprender, apenas tem a obrigação de nunca fazer nada errado. Se for assim, então pode apontar… Vá em frente e cancele-os”, disse. Confira o trecho do programa:

Entenda a polêmica envolvendo Selena Gomez

No dia 17 de abril, a hashtag #DemiLovatoIsOverParty ficou nos trending topics dos Twitter após internautas acusarem a artista de ter um Instagram privado, no qual, ocasionalmente, fazia publicações atacando Selena Gomez. A conta, que já foi retirada do ar, é o que os usuários da rede social denominam como “Finsta” — um perfil fake que a pessoa cria para fazer postagens mais ‘reais e francas’, com número limitado seguidores, geralmente amigos e familiares mais íntimos.

Demi seria dona de um Instagram deste tipo, com o nome de usuário @traumaqueen4eva. A possível prova disso? O vídeo de uma live em que a artista aparece com o namorado Max Ehrich dentro da conta. Até aí, nenhum problema… No entanto, viralizou no Twitter um print com publicações supostamente feitas por Demi Lovato atacando Selena. Em um dos posts, uma foto antiga da cantora segurando a capa da revista People, estampada por ela e a ex-amiga, mostra um autógrafo escrito na cara de Gomez. “Você pode me chamar de Patti Labelle”, dizia a legenda, seguida por um emoji de diabinho.

“Garota, você não pode nem tentar dizer que essa não é ela”

“Demi: “Há tanto ódio neste mundo que precisamos nos elevar e nunca pedir desculpas por quem você é./Demi também:”

Com isso, muitos internautas passaram a buscar “indícios” que reforçassem as acusações contra Lovato. Um vídeo mostra que, após o escândalo estourar no Twitter, o perfil @traumaqueen4eva estaria bloqueando todos seus seguidores, com o intuito de não mostrar pessoas próximas à cantora na conta.

Um perfil acusa a artista de ter trocado o nome do usuário do perfil para @dolphins4ever02 e ter deletado todas as publicações. Paralelo a isso, o perfil oficial de Demi Lovato desativou as seções de comentários dos seus posts recentes. O que é compreensível, já que ela passou a receber diversos ataques por conta do que estava acontecendo.

“As fãs de Demi não podem negar que é ela. Ela literalmente excluiu todas as postagens, alterou o nome de usuário, desativou a conta e desativou os comentários em sua conta principal”.

“Ela trocou a @ e tudo mais. Por favor…”

Em resposta, os fãs de Demi Lovato saíram em sua defesa e levantaram algumas teorias de que admiradores da Selena Gomez arquitetaram tudo. Teve quem confirmou que o perfil @traumaqueen4eva realmente era o “Finsta” da artista, no entanto, os prints não passavam de montagens. “Qual é a prova que esses posts são da Demi? Só para lembrar: os lovatics já sabiam que o insta @traumaqueen4eva era o insta privado da Demi, inclusive os fãs invadiram a live dela com o paquera”, afirmou um perfil.