Emmy 2020: Premiação deixa Nick Cordero de fora do memorial e amigo explica o motivo; Outros astros também foram ignorados

Que situação! No domingo à noite (20), aconteceu o Emmy Awards — e, como sempre, foi exibido o segmento “In Memoriam”, homenageando os artistas que nos deixaram no último ano. Acontece que o ator Nick Cordero, que faleceu em julho, vítima de Covid-19, foi excluído desta edição. Outros importantes astros, como Kobe Bryant e Kelly Preston, também foram “ignorados”. A ação indignou muita gente, principalmente Zach Braff, amigo pessoal de Cordero, e o artista se pronunciou sobre o caso no Twitter.

“Para aqueles que estão perguntando: O Emmy escolheu deixar Nick Cordero de fora da montagem do memorial. Eu não tinha ideia de que precisava ter uma campanha para conseguir que seu ente querido entrasse. Mas nós fizemos isso [quando descobrimos]. E eles ignoraram”, declarou ele.

Junto com a revelação, Zach compartilhou uma declaração do Emmy que explicava o motivo para deixar a estrela da Broadway de fora do tributo. “Eles pediram que eu passasse adiante esta nota: Os envolvidos no processo de seleção In Memoriam estão bem cientes do triste falecimento do Sr. Cordero devido ao coronavírus e asseguramos a ela que seu nome recebeu todas as considerações para inclusão”, declarou um porta voz da premiação, que adicionou: “Com tantas pessoas falecendo em um determinado ano, simplesmente não podemos garantir que qualquer indivíduo em particular seja incluído, nem divulgamos os nomes daqueles incluídos antes da transmissão”.

Após publicar a resposta, o ator criticou o Emmy mais uma vez: “Preciso mencionar que eles também deixaram Sam Lloyd de fora. Eu nunca nem iria considerar fazer uma campanha para Sam porque ele possui mais trabalhos na TV do que qualquer outro ator que conheço”. Sam foi co-estrela de Zach na série “Scrubs” e faleceu em abril.

Continua depois da Publicidade

A polêmica do In Memoriam

Na edição do Emmy deste ano, os fãs ficaram chocados depois que o falecido Kobe Bryant não foi incluído no tributo “In Memoriam”. “Surpreso que eles tenham deixado #KobeBryant fora do segmento In Memoriam. É verdade que ele não fazia parte da indústria da televisão, mas, como estrela da NBA, ainda tinha uma forte presença na televisão, tuitou o jornalista de entretenimento Nicholas Spake sobre a ausência do astro do basquete.

Para piorar a situação, o evento foi transmitido do Staples Center em Los Angeles, arena do Lakers, onde Bryant jogou 20 temporadas da NBA e ajudou a ganhar cinco campeonatos. “Na casa que Kobe construiu, o Staples Center, o Emmy 2020 não homenageou Kobe Bryant durante o Memorial. Como esquecemos a grandeza cedo”, escreveu um fã.

Continua depois da Publicidade

Outra estrela deixada de fora foi a atriz Kelly Preston, esposa de John Travolta, que perdeu sua batalha contra o câncer de mama em julho. Ela trabalhou em muitos programas de TV, incluindo a versão original da série “Hawaii Five-O”.

Revoltado, um telespectador tuitou: “Se vocês são os organizadores do Emmy, não poderiam ter dado cinco segundos de tempo e incluído Kelly Preston no segmento In Memoriam?”.

 

Confira como foi o tributo completo do Emmy 2020: