Fotojet (4)

Grey’s Anatomy: Roteiristas revelam briga física de Patrick Dempsey e Isaiah Washington em bastidores, envolvendo xingamento homofóbico; atores se pronunciam

Foi lançado, na última terça-feira (21), o livro de Lynette Rice, “How to Save a Life: The Inside Story of Grey’s Anatomy”, que como indica o título, traz detalhes sobre os bastidores da série “Grey’s Anatomy” e, ainda, informações bombásticas sobre a relação dos atores por trás das câmeras.

Trechos da obra, divulgados na semana passada, chocaram os fãs ao apontar que a relação de Patrick Dempsey – um dos mais queridos pelo público – não era boa tanto com a criadora da série, Shonda Rhimes, quanto com a protagonista da produção, Ellen Pompeo. Agora, veio à tona mais um desafeto do artista: Isaiah Washington.

Entrevistado por Rice, o escritor Mark Wilding, um dos roteiristas de “Grey’s”, deu detalhes de como se iniciou a rixa entre os atores. “Acho que um dos dois tinha chegado atrasado no set um dia e o outro quis dar o troco, atrasando no dia seguinte. Então, a coisa meio que fugiu do controle. Eles começaram a discutir e antes que você pudesse notar eles já estavam em um confronto físico. Eu tenho 1,93m. Sou maior do que os dois, mas não me meti porque pensei: ‘não sei se quero me envolver'”, recordou.

Continua depois da Publicidade

Outra fonte da obra é o roteirista Harry Werksman, também presente no set de filmagens no dia da briga. Segundo ele, Washington estava particularmente irritado com o comportamento de Dempsey: “Sei lá por qual motivo, o Isaiah perdeu o controle aquele dia e foi para cima do Patrick. Acho que ele se sentiu desrespeitado por ter ficado esperando junto com a equipe”.

Segundo recordou o profissional, Washington ainda teria usado uma expressão homofóbica durante o atrito, ao se referir ao colega de elenco dos dois, T.R. Knight. “Ele foi para cima do Patrick, o empurrou contra uma parede e disse: ‘Você não pode falar comigo como fala com aquela ‘bichinha’ do T.R”, contou.

Uu
Em “Grey’s Anatomy”, Washington deu vida ao médico Preston Burke entre 2005 e 2014. Já Dempsey interpretou o médico Derek Shepherd entre 2005 e 2015, tendo feito pontas em episódios mais recentes da produção desde o fim de 2020. (Foto: Divulgação/ABC)

Nas páginas do livro, ainda há um depoimento do cinegrafista Marty Carillo sobre o episódio. “Todo mundo sabia que o T.R. é gay. Por algum motivo, o Isaiah perdeu controle e encurralou o Patrick contra a parede. Você via nos olhos dele, como se estivesse se perguntando: ‘O que foi que eu fiz?’. Ficou tudo em silêncio. Todo mundo deixou o set”, lembrou.

Procurado pelo autora, Isaiah refletiu sobre o caso. “Aprendemos que devemos estar atento ao que falamos. Nós temos que ter a consciência de que seremos responsabilizados”, comentou. Já Dempsey, por sua vez, opinou que “esse ocorrido realmente aproximou todo mundo. “Ninguém vazou nada, todo mundo lidou com a situação e seguiu com a vida”, concluiu.