Fotojet (21)

Astro do TikTok morre, aos 19 anos, em tragédia dentro de cinema nos EUA; saiba detalhes

Meu Deus, que tragédia… O tiktoker Anthony Barajas morreu na sexta-feira (30), aos 19 anos, vítima de um tiroteio dentro do cinema, na cidade de Corona, Califórnia (EUA). O rapaz foi atingido por uma bala no olho na última segunda-feira (26), e desde então estava hospitalizado, sendo mantido vivo por aparelhos. Em nota divulgada para a imprensa no sábado (31), as autoridades anunciaram a partida precoce do jovem.

“O Departamento de Polícia de Corona foi notificado que Anthony Barajas faleceu esta manhã. Estendemos nossos pensamentos e condolências a sua família e amigos”, escreveram no texto. O tiroteio aconteceu durante uma sessão do filme “Uma Noite de Crime: A Fronteira”, por volta das 21h35 (horário local), e também tirou a vida da tiktoker Rylee Goodrich, de 18 anos, que morreu ainda no local com um tiro na cabeça. Na ocasião, ela e Barajas estavam em um encontro, e foram encontrados pelos funcionários do cinema no fim da exibição, que contou com poucos espectadores.

O longa, de Everardo Valerio Gout, fala sobre um governo totalitário que permite que qualquer crime seja cometido por uma noite, incluindo assassinato. Com a ajuda dos depoimentos das testemunhas, a polícia chegou ao nome de Joseph Jiménez, de 20 anos, que foi preso na terça-feira (27), em casa. “Segundo a evidência levada ao nosso escritório, este parece ser um ataque aleatório e não provocado”, afirmou o promotor responsável pelo caso, acrescentando que não há pistas de que o criminoso conhecia Anthony e Rylee. Joseph é acusado de assassinato e roubo, após a polícia ter encontrado a carteira de Goodrich em sua posse.

219722316 198971812196263 6304131652750402102 N
Anthony Barajas foi assassinado durante sessão do filme “Uma noite de Crime”. (Fotos: Reprodução/Instagram; Divulgação)

Continua depois da Publicidade

Barajas era conhecido por vídeos com esquetes, entrevistas e dublagens no TikTok, onde tinha mais de 980 mil seguidores. Um de seus melhores amigos, Malik Earnest, se pronunciou sobre a partida do rapaz. “Quero agradecer a todos que o colocaram em suas orações. Os ferimentos em seu cérebro eram irreparáveis. 30 de julho, às 23h, Anthony foi levado em uma ‘caminhada de honra’, em que ele acabaria doando seus órgãos para que outros pudessem viver”, contou.

Image
Joseph Jimenez foi preso acusado pelo atentado. (Foto: Reprodução)