Fotojet (2)

Homem vai parar no hospital com bala de canhão no ânus, e esquadrão antibomba é acionado; paciente explica “acidente”

Na quarta-feira (1º), a equipe médica do Hospital Real de Gloucestershire, na Inglaterra, precisou acionar um esquadrão antibomba por conta de um paciente que deu entrada no pronto-atendimento. O homem, que não teve a identidade revelada, estava com um projétil de canhão introduzido no reto.

Segundo os relatos divulgados pelo The Sun, o paciente alegou que sofreu um acidente em casa. Colecionador de vários itens militares, ele teria escorregado e caído no projétil de artilharia que possui 17 centímetros de comprimento e seis centímetros de largura. “Como acontece com qualquer incidente envolvendo munições, os protocolos de segurança relevantes foram seguidos para garantir que não houvesse risco para pacientes, funcionários ou visitantes”, explicou um porta-voz de Gloucestershire.

O Ministério da Defesa da Inglaterra confirmou para a publicação que foi preciso uma equipe do Regimento de Descarte de Artilharia Explosiva ir no hospital e acompanhar o trabalho dos médicos. As autoridades britânicas registraram a ocorrência alegando que se tratava de “um paciente com munição no reto”. “Era um pedaço de chumbo pontudo e grosso, projetado para atravessar um tanque. É basicamente um pedaço de metal inerte, então não havia risco de vida”, detalhou um dos especialistas que esteve presente no hospital.

Projetil Da Segunda Guerra Mundial Foi Retirada Do Reto De Um Paciente 1638542887888 V2 900x506.png
Projétil deixou médicos receosos com uma eventual explosão. Foto: Reprodução

Como a equipe médica não tinha esse tipo de conhecimento, não pensaram duas vezes antes de acionarem profissionais qualificados. O Regimento de Descarte de Artilharia Explosiva afirmou ainda que se tratava de um projétil 57 mm da Segunda Guerra Mundial, geralmente disparado por canhões anti-tanques.

Continua depois da Publicidade

O paciente declarou que estava fazendo limpeza na casa no momento do acidente, encontrou o objeto e o colocou no chão. Ele escorregou e caiu diretamente no projétil, que entrou no seu reto. Segundo o homem, ele procurou atendimento médico logo em seguida. Ao The Sun, o hospital disse que o paciente já recebeu alta e terá uma recuperação rápida. Tirando o receio com o perigo de uma explosão, o quadro observado pelos profissionais só preocupava pela possibilidade do projétil perfurar o intestino do paciente.