Fotojet (67)

Caso Gabby Petito: Homem que se encaixa na descrição de noivo “desaparecido” da youtuber é visto na Flórida; confira a imagem

Mais desdobramentos… Nesta terça-feira (21), a filial de Denver do FBI confirmou que os restos mortais encontrados na Floresta Nacional Bridger-Teton, em Wyoming, são de Gabrielle Petito. O local foi um dos destinos visitados por ela durante sua viagem de van cross-country com o noivo, Brian Laundrie, que continua sendo procurado pelas autoridades como “pessoa de interesse” nas investigações. Agora, o TMZ revelou que alguém que “se encaixa na descrição de Laundrie” foi flagrado por uma câmera de segurança.

De acordo com as informações, um homem chamado Sam Bass afirmou que uma pessoa semelhante a Brian foi visto em sua câmera, montada no deserto de Baker, na Flórida, na manhã de ontem (20). A gravação mostra um homem que se parece com o suspeito, caminhando pela floresta com uma mochila. Laudrie foi dado como desaparecido após ser procurado para esclarecimentos acerca do sumiço de Gabby.

“Não estou dizendo que esse é o cara, mas quem quer que estivesse na minha trilha de câmera esta manhã em Baker, Flórida, se encaixa perfeitamente na descrição de Brian Laundrie. As autoridades foram contatadas, mas as pessoas na área do Noroeste da Flórida estão de olho”, escreveu Bass no Facebook.

omem que se encaixa na descrição de noivo "desaparecido" da youtuber foi visto na Flórida (Foto: Reprodução/ Sam Bass)
Homem que se encaixa na descrição de noivo “desaparecido” da youtuber foi visto na Flórida (Foto: Reprodução/ Sam Bass)

Acredita-se que Brian tenha sido a última pessoa a ver a noiva com vida. Os responsáveis pela gravação apontaram que a mochila do homem é semelhante à de Laundrie. Às autoridades, os pais do suspeito disseram que ele saiu com ela para uma caminhada na última sexta-feira (17) e nunca mais voltou. As pessoas também comentaram que ele estaria a 800 km de distância de sua casa em North Port, o que seria uma jornada de mais ou menos quatro dias, tempo suficiente desde o “desaparecimento”.

Brian Laundrie e Gabby teriam discutido durante a viagem. O casal chegou até a pedir ajuda policial, após um suposto episódio de “violência doméstico” durante o trajeto. (Foto: Reprodução / Instagram)

Após a divulgação das imagens, o xerife da Oskaloosa divulgou um comunicado dizendo que o local foi “extensivamente vasculhado”, inclusive com o apoio de drones, e nada foi encontrado. “Não há possíveis conexões passadas ou atuais entre Laundrie e qualquer pessoa nesta área neste momento para fazer o acompanhamento”, disse a nota.

Relembre o caso

No dia 11 de setembro, a youtuber norte-americana Gabrielle Petito foi dada como desaparecida por seus pais. O caso pra lá de estranho começou quando o noivo da jovem, o também criador de conteúdo Brian Laundrie, voltou para casa de uma viagem de van pelos EUA, sem a parceira que até então o acompanhava, no dia 1º de setembro. Segundo informações do Departamento de Polícia do Condado de Suffolk, em Nova York, os pais de Petito denunciaram seu desaparecimento no sábado (11).

Continua depois da Publicidade

Em depoimento, a dupla afirmou que não havia conseguido contatá-la durante a última semana de agosto, quando a jovem estava de passagem pelo Parque Nacional Grand Teton, em Wyoming. A região é conhecida por suas por vastas planícies e, também, pela cordilheira chamada “Rocky Mountains” (Montanhas Rochosas, em português), destino muito procurado por amantes de aventura. O passeio fazia parte da grande viagem de van que Gabby e Brian estavam fazendo pelo país e compartilhando na web.

Segundo a NBC News, a última ligação de Gabby para a mãe, Nicole Schmidt, aconteceu no dia anterior, 24 de agosto, pelo FaceTime. A mulher também afirmou ter recebido mensagens de texto do número da filha até o dia 30 de agosto, mas insistiu que não tinha certeza se as mensagens teriam sido enviadas, realmente, pela jovem. Schmidt revelou, ainda, que a filha confessou ter dúvidas sobre o futuro de seu relacionamento com Laundrie, mas não apresentou qualquer indicativo de que estivesse infeliz durante a viagem.

Gabby Petito desapareceu após viagem de van cross-country com o noivo, Brian Laundrie. (Foto: Reprodução / Instagram)

Após a denúncia do desaparecimento, as autoridades expressaram preocupação em relação a Brian. Isso porque, segundo informações divulgadas pelo DP de Suffolk, o rapaz voltou para a casa de seus pais em North Port, na Flórida, sem a garota, 10 dias antes de Gabby ser dada como desaparecida.

Desde então, ele se recusou a cooperar com as investigações e foi declarado como “pessoa de interesse”, ou suspeito, quando o Departamento de Polícia de Moab, em Utah, divulgou um vídeo assombroso de Gabby, do último dia 12 de agosto. Os registros, feitos pela câmera corporal de um policial, aconteceram após um suposto incidente de violência doméstica entre os dois, dias antes do desaparecimento da jovem.

Continua depois da Publicidade

Nas imagens, o policial pergunta a uma Gabby visivelmente abalada por que ela está chorando. “Me desculpe, acabamos de brigar esta manhã. Alguns problemas pessoais”, responde ela. “Foi um longo dia. Estávamos acampando ontem”, acrescenta Brian. Na sequência, as autoridades interromperam a viagem dos dois por uma noite, mantendo-os separados para evitar outras discussões, mas o casal acabou seguindo viagem no dia seguinte (13), sem que nenhuma queixa fosse apresentada. Assista:

Apesar do apelo desesperado da família Petito aos pais de Brian Laundrie, a família se recusou a entregar o filho ou compartilhar com as autoridades qualquer informação que os ajudassem a encontrar a influencer. No entanto, na sexta-feira (17), de acordo com a Reuters, o noivo de Gabby, que já era considerado suspeito, também foi dado como “desaparecido”. “O advogado da família Laundrie ligou para os investigadores do FBI na sexta-feira à noite, indicando que a família gostaria de reportar o desaparecimento de seu filho. A família agora afirma não ter visto Brian desde terça-feira (14) desta semana”, relatou Josh Taylor, porta-voz da polícia de North Port.

Brian Laundrie, noivo de Gabby, foi declarado como suspeito pelo FBI, mas desapareceu na última terça-feira (14) e ainda não foi encontrado pelas autoridades. (Foto: Reprodução / Instagram)

Segundo a família de Laundrie, ele saiu de casa com uma mochila na última terça-feira, dizendo que estava indo para a reserva, ajudar nas buscas pela noiva. Após o ocorrido, Richard Stafford, advogado da família Petito, se pronunciou sobre o assunto em entrevista com a CNN. “Toda a família de Gabby quer que o mundo saiba que Brian não está desaparecido, ele está se escondendo. Gabby é quem está desaparecida”, pontuou.