Alien Humanos

Ex-Nasa aponta quando humanos devem descobrir vida extraterrestre, e detalha hipóteses: “Progresso enorme”

Jim Green, que aposentou-se da Nasa após mais de 40 anos, contou como a ciência está caminhando para nos dar respostas pra perguntas que tanto fazemos

Será que algum dia a Terra fará contato com alguma forma de vida extraterrestre? Há muito tempo que essa pergunta faz parte do imaginário do público – bem como dos estudos da ciência. Neste domingo (8), em entrevista ao programa BBC HARDTalk, o ex-pesquisador da Nasa, Jim Green, afirmou que os humanos devem ter um encontro com alienígenas nos próximos anos.

Nos 40 anos em que trabalhou para a agência espacial, Green já esteve envolvido em missões para Marte, Júpiter e Mercúrio. Hoje, ele crê que a ciência está perto de ter uma “descoberta realmente impressionante”. Mais precisamente, ele imagina que vidas extraterrestres podem ser encontradas ainda durante seu período de vida. “Nós estamos fazendo um progresso enorme. Agora nós sabemos que há mais planetas na nossa galáxia do que há estrelas”, disse ele.

Jim Green Nasa Bbc
Jim Green, pesquisador agora aposentado da Nasa, afirmou que muitas descobertas virão nos próximos anos. (Foto: Reprodução/BBC)

Continua depois da Publicidade

As similaridades com a Terra também são muitas. “Muitos deles são lugares tipo a Terra, onde podemos receber a luz do Sol e ter água. E não só na forma líquida – na forma sólida e também na forma de vapor. Essas são condições importantes que nós acreditamos para que tenha vida. Estamos encontrando planetas que têm condições em que a vida pode surgir”, afirmou o cientista.

O lançamento do telescópio James Webb – o maior já feito – também traz mais esperança nessas empreitadas pelo espaço. “Com o nosso próximo grande telescópio, nós proveremos imagens nunca vista antes de planetas remotos, o que ajudará cientistas a analisarem as atmosferas deles”, afirmou Jim sobre o aparato gigante que consegue captar a radiação infravermelha.

Continua depois da Publicidade

“Nós vamos comparar essas atmosferas com aquelas que já conhecemos. São elas mais tipo Vênus, são mais como Marte, são mais como a Terra? Esse é um grande passo adiante. Eu acho que nós veremos descobertas realmente impressionantes nos próximos punhados de anos”, comentou Jim. De acordo com o pesquisador, a Nasa trará as aguardadas respostas para duas perguntas: “Estamos sozinhos?” e “Como chegamos aqui?”. Só nos resta aguardar…

Ouça o programa abaixo: