Dan Capa

Dan Stevens, o Matthew Crawley de “Downton Abbey”, revela o verdadeiro motivo de ter saído da série; confira!

Um dos momentos mais chocantes da série britânica “Downton Abbey” é a morte de Matthew Crawley na terceira temporada, um “plot twist” que deixou os fãs inconsoláveis. Mesmo anos após o final da série, o público guarda rancor pelo personagem ter falecido em um acidente de carro, horas após seu filho com Lady Mary Crawley (Michelle Dockery) nascer.

Agora, o intérprete de Matthew, o ator Dan Stevens, decidiu contar o verdadeiro motivo de ter saído do drama ambientado no século 20. Em entrevista ao jornal The Australian nesta quinta-feira (27), ele explicou que tinha medo de ficar “marcado” como protagonista de romances em projetos futuros. Por mais que adorasse fazer parte da série, ele temia que só recebesse propostas para produções que tivessem essa temática, e queria variar. “Tento não ser resistente a muitas coisas. Acho que é mais sobre quando papéis interessantes surgem, na verdade. Os desafios quando interpretei Tom em ‘I’m Your Man’ [novo filme dele que estreia esse ano] foram tantos que nem pensei ser mais um filme romântico“, explicou o ator.

Matthew Crawley foi um personagem tão marcante, que parte do público ainda espera que ele volte de alguma maneira — mesmo tendo falecido na trama. Inclusive, muitos já perguntaram se existe a chance de Stevens voltar para o segundo filme de “Downton Abbey”, que será lançado esse ano.  Esperança é a última que morre, não é mesmo? “Tem gente que nem sabe que ele não estava no primeiro filme. Eu deixei aquele programa há oito anos. Executivos de cinema – pessoas que realmente deveriam saber desse tipo de coisa – me falam: ‘Você vai aparecer na nova produção?’, e eu digo: ‘Você já assistiu ao programa? Você sabe como isso terminou?‘”, contou ele.

Casamento Downton Abbey Lady Mary Matthew 25
O personagem Mathew Crawley no dia do seu casamento (Foto: Divulgação/ITV)

Apesar de ter saído no auge do sucesso da produção, o astro não se arrepende da decisão que tomou, nem de ter feito o personagem. “Sou extremamente grato por tudo que aquele papel e aquela série me proporcionaram. E também, você sabe, aprendi a colocar minha fé no meu trabalho, seguindo o instinto e escutando os conselhos das pessoas boas ao meu redor“, completou Stevens. Confira a cena da morte:

Por mais que os fãs se sintam indignados com a morte de Matthew, Dan se deu bem após sair da produção britânica, em 2012, e encontrou outros trabalhos importantes, como a Fera do live-action de “A Bela e a Fera”, a série “Legion”, e os filmes “Lucy in The Sky”, “EuroVision”, “Marshall” e “The Call of the Wild”. “Tem muitas pessoas magoadas, para as quais eu tenho que me desculpar ao longo dos anos. Eu tenho feito muito desde que sai da série, então tenho esperança de que o público esteja acompanhando meu trabalho e entenda os motivos de eu ter saído“, encerrou o ator.